Escolha as suas informações

Em cerca de um mês, 183 pessoas deram positivo nos autotestes
Luxemburgo 29.04.2021

Em cerca de um mês, 183 pessoas deram positivo nos autotestes

Em cerca de um mês, 183 pessoas deram positivo nos autotestes

Foto: DPA
Luxemburgo 29.04.2021

Em cerca de um mês, 183 pessoas deram positivo nos autotestes

Susy MARTINS
Susy MARTINS
Por serem menos fiáveis do que os PCR, o resultado positivo de um autoteste deverá ser confirmado posteriormente por um teste PCR.

No espaço de um mês e meio, 183 pessoas testaram positivo nos autotestes à covid-19 que se podem comprar nas farmácias ou nos supermercados do Luxemburgo. Estes testes podem realizar-se em casa, sem a ajuda de um profissional da saúde.

O dado consta no relatório semanal covid-19 do Ministério da Saúde, que sublinha que estes positivos não entram para a contabilização do número de casos positivos detetados no país, uma vez que seria necessário confirmar esse resultado com um teste PCR. E só se o teste PCR fosse positivo é que o número entra para as estatísticas nacionais.

Questionado pela Rádio Latina sobre o número de testes PCR que confirmaram os positivos dos autotestes o Ministério da Saúde diz não ter informação sobre estes dados. As autoridades recomendam que em caso de resultado positivo nos autotestes as pessoas se coloquem em autoisolamento e contactem as autoridades sanitárias, através do portal do Ministério da Saúde dedicado à covid-19.

E acrescentam que o resultado positivo do autoteste, menos fiável do que o PCR, deve ser confirmado posteriormente por um teste PCR. Cabe neste caso ao médico de família passar a receita médica para a realização do exame a efetuar num dos laboratórios do país. 

Nos casos positivos, os serviços de rastreamento da Direção da Saúde entrarão em contacto com o infetado e darão instruções sobre o tempo de isolamento a respeitar e o preenchimento dos formulários necessários.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas