Escolha as suas informações

Luxemburgo lidera lista de gastos com educação na UE
Luxemburgo 02.09.2017 Do nosso arquivo online
Educação

Luxemburgo lidera lista de gastos com educação na UE

Educação

Luxemburgo lidera lista de gastos com educação na UE

Foto: Pierre Matgé
Luxemburgo 02.09.2017 Do nosso arquivo online
Educação

Luxemburgo lidera lista de gastos com educação na UE

Em 2015, o Luxemburgo gastou uma média de 4.635 euros por habitante em educação, de acordo com os últimos números da agência de estatísticas da UE (Eurostat).

Em 2015, o Luxemburgo gastou uma média de 4.635 euros por habitante em educação, de acordo com os últimos números da agência de estatísticas da União Europeia Eurostat. 

A despesa média por habitante na UE ascendeu a 1.405 euros nesse ano, com um total de 716 mil milhões de euros gastos em educação nos 28 Estados membros. 

Apenas três países, Luxemburgo, Dinamarca (3.368 euros) e Suécia (2.977 euros) gastaram mais de 2.500 euros por cabeça. 

No outro extremo do espetro estão a Roménia (248 euros), a Bulgária (250 euros) e a Croácia (494 euros), os três únicos países a gastar menos de 500 euros por cabeça na educação. 

Em termos de proporção do PIB gasto em educação, a Dinamarca supera a lista com 7%, seguindo a Suécia com 6,5% e a Bélgica com 6,4%. O Luxemburgo tem 5,2%, 0,3% acima da média europeia de 4,9%. 

Roménia (3,1%) e Irlanda (3,7) surgem no fim da lista. 

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

O poder de compra das famílias no Luxemburgo em 2020 diminuiu ligeiramente em relação a 2019, mas mesmo assim o Grão-Ducado continua a ser o país onde as famílias têm a maior capacidade de consumo individual de bens e serviços.