Escolha as suas informações

Dia Mundial da Diabetes: Há 24 mil diabéticos no Luxemburgo
Luxemburgo 2 min. 10.11.2016 Do nosso arquivo online

Dia Mundial da Diabetes: Há 24 mil diabéticos no Luxemburgo

Dia Mundial da Diabetes: Há 24 mil diabéticos no Luxemburgo

Luxemburgo 2 min. 10.11.2016 Do nosso arquivo online

Dia Mundial da Diabetes: Há 24 mil diabéticos no Luxemburgo

Existem cerca de 24 mil diabéticos no Luxemburgo, um número que quase quadruplicou desde 1980. Na grande maioria dos casos, é diabetes do tipo 2, fortemente relacionado com um estilo de vida sedentário e que aparece principalmente em pessoas com excesso de peso após 40 anos de idade.

Existem cerca de 24 mil diabéticos no Luxemburgo, um número que quase quadruplicou desde 1980. Na grande maioria dos casos, é diabetes do tipo 2, fortemente relacionado com um estilo de vida sedentário e que aparece principalmente em pessoas com excesso de peso após 40 anos de idade.

Este crescimento é explicado em parte pelo aumento do excesso de peso na população, incluindo um aumento da obesidade e estilos de vida sedentários.

Para a ministra da Saúde, Lydia Mutsch, é preciso “evitar a progressão da doença” no país. “Se quisermos travar a doença, devemos repensar a nossa vida quotidiana, comer uma dieta saudável, fazer atividade física regular, manter um peso normal e parar de fumar”, afirmou.

A doença é uma das principais causas de cegueira, doenças cardiovasculares, insuficiência renal e amputação dos membros inferiores. Daí a urgência em diagnosticar a doença e iniciar o tratamento adequado.

O alerta e o apelo surgem na véspera do Dia Mundial da Diabetes, que se assinala a 14 de novembro. O Ministério da Saúde e a Associação Luxemburguesa da Diabetes (‘Association luxembourgeoise du diabète’) vão assinalar a efeméride com a realização de diversas atividades ao longo do próximo fim de semana.

Iniciativas no Luxemburgo

Assim, no sábado, dia 12, será realizada uma marcha solidária em Limpertsberg, na capital luxemburguesa, batizada de “10.000 passos contra a diabetes” (‘10.000 pas contre le diabète’), com início no Tramsschapp. Há dois percursos: um de 5 km e 10 km, e contarão, pela primeira vez, com um rally familiar.

Depois, no domingo, dia 13, haverá uma jornada de portas abertas sobre a doença com a realização de conferências no Hotel Parc Belle-Vue:

14:30 – “Diabetes e os meus olhos: é melhor prevenir do que remediar”, pelo Dr. Michelle Berna-Thill, oftalmologista.

16:00 – “Adoçantes: quais os riscos? Que interesses?”, pelo Dr. Catherine Atlan, endocrinologista e diabetologista.

A partir das 13:30, haverá ainda no local vários ‘stands’ informativos, livros sobre a diabetes, equipamentos para diabéticos, informações sobre nutrição e o papel dos sentidos na escolha de alimentos, uma exposição sobre ajudas técnicas e cursos para pessoas com deficiência visual e decorrerá a apresentação um livro infantil com jogos e entretenimento para crianças.

Durante o fim de semana poderá ainda realizar o seu teste de despistagem da doença em três locais:

- Sábado, 12 de novembro, na caminhada “10.000 passos contra a diabetes”;

- Segunda-feira, 14 de novembro, no Centre hospitalier de Luxembourg e no Centre hospitalier du Nord, em Ettelbruck e Wiltz;

- Terça-feira, 15 de novembro, no Hospital Robert Schuman, Kirchberg.

Mais informações sobre a doença e as várias iniciativas em: www.sante.lu, www.ald.lu, www.idf.org, www.worlddiabetesday.org.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Há mais de 25 mil diabéticos no Luxemburgo
Os dados são lembrados pelo Ministério da Saúde e pela Associação Luxemburguesa da Diabetes no dia mundial da doença, e é lançado um alerta: mais de um quarto dos doentes ignoram que são diabéticos.
diabetes