Escolha as suas informações

Desde 2002 que não chegavam tão poucos portugueses ao Luxemburgo
Luxemburgo 03.11.2016 Do nosso arquivo online

Desde 2002 que não chegavam tão poucos portugueses ao Luxemburgo

Desde 2002 que não chegavam tão poucos portugueses ao Luxemburgo

Foto: Shutterstock / Sabina Palanca
Luxemburgo 03.11.2016 Do nosso arquivo online

Desde 2002 que não chegavam tão poucos portugueses ao Luxemburgo

No ano passado o Statec contabilizou a chegada de 3.525 portugueses ao Luxemburgo. É preciso recuar até 2002 para encontrar um valor mais baixo.

No ano passado o Statec contabilizou a chegada de 3.525 portugueses ao Luxemburgo. É preciso recuar até 2002 para encontrar um valor mais baixo.

A constatação é do Observatório da Emigração, que analisou a entrada de portugueses no Luxemburgo desde 2000, com base nos registos do instituto de estatística luxemburguês.

Os dados mostram que o número de portugueses que chegam ao Grão-Ducado tem vindo a diminuir nos últimos três anos. O recorde de entradas registou-se em 2012. A 'troika' tinha chegado a Portugal um ano antes, em abril de 2011, e a emigração para outros países bateu recordes, chegando a atingir as 120 mil saídas por ano.

O Luxemburgo não foi exceção. Em 2012, no auge da crise, chegaram ao Grão-Ducado 5.193 portugueses – uma média de 14 por dia.

A partir daí, as entradas no Grão-Ducado têm vindo a baixar. Em 2013, vieram para o Luxemburgo 4.590 portugueses. Em 2014, o número ficou abaixo dos quatro mil (3.832), tendo-se fixado nos 3.525 em 2015. É o valor mais baixo dos últimos 13 anos.

Ainda assim, no ano passado chegaram ao Grão-Ducado, em média, cerca de nove portugueses por dia.

Entre 2000 e 2009 as entradas de portugueses aumentaram de forma quase contínua (à exceção de 2004, com um ligeiro decréscimo). Em 2009 e 2010, "verificou-se uma queda semelhante à ocorrida na emigração para outros países, no contexto da crise financeira global", aponta o Observatório. A partir de 2011, o valor voltou a aumentar, "acompanhando os grandes fluxos de saída de portugueses". 

A diminuição do número de portugueses que chegam ao Luxemburgo nos últimos três anos acompanha a tendência geral do decréscimo da emigração, após o pico atingido em 2012. No ano passado, saíram de Portugal 40.377 portugueses para viver no estrangeiro, menos 18,5% do que em 2014, de acordo com o Instituto Nacional de Estatística (INE).

O Luxemburgo é o nono país para onde emigram mais portugueses, segundo o Observatório da Emigração.


Notícias relacionadas

Número de portugueses no Luxemburgo depende de quem conta
Os portugueses no Grão-Ducado representam 16,4% da população, segundo os dados do Statec, que contabiliza 96.800 mil imigrantes no país. Mas os registos consulares dão conta de 113 mil, o que corresponde a 19% do total da população do Grão-Ducado, segundo o Relatório da Emigração, divulgado hoje.