Escolha as suas informações

Deputados rejeitam moção que pedia saída de Jean Asselborn do Governo
Luxemburgo 16.10.2020

Deputados rejeitam moção que pedia saída de Jean Asselborn do Governo

Deputados rejeitam moção que pedia saída de Jean Asselborn do Governo

Foto: DPA
Luxemburgo 16.10.2020

Deputados rejeitam moção que pedia saída de Jean Asselborn do Governo

Susy MARTINS
Susy MARTINS
A moção foi entregue no Parlamento pelo presidente do partido do ADR, Fernand Kartheiser.

A moção do partido da oposição ADR que reivindicava a saída do ministro dos Negócios Estrangeiros, Jean Asselborn, do Governo foi rejeitada pela maioria dos deputados luxemburgueses. 

O texto foi chumbado com 55 votos contra, sendo que apenas os cinco deputados do partido conservador votaram a favor. 

Na origem da iniciativa esteve, segundo o partido, uma entrevista que Asselborn deu a um canal de televisão alemão, na qual atacou o Governo austríaco, liderado por Sebastian Kurz, do partido conservador ÖVP. 


Covid-19. Asselborn recebido na Alemanha para discutir cooperação entre os dois países
O ministro dos Negócios Estrangeiros, Jean Asselborn, efetua esta segunda-feira uma visita de trabalho à Alemanha, onde vai discutir a cooperação entre o país vizinho e o Luxemburgo no contexto da atual pandemia de covid-19.

Segundo Kartheiser, o ministro socialista não agiu nem de forma diplomática, nem no interesse do Luxemburgo no plano europeu.Tanto os partidos da coligação governamental – DP, LSAP, déi Gréng –, assim como o déi Lénk e o Partido Pirata saíram imediatamente em defesa de Jean Asselborn. 

Já o maior partido da oposição, o Partido Cristão Social (CSV), não poupou críticas ao chefe da diplomacia luxemburguesa, apesar de ter acabado por também votar contra a moção de Kartheiser.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas