Escolha as suas informações

Covid-19. Variante britânica detetada no Luxemburgo
Luxemburgo 2 min. 03.01.2021

Covid-19. Variante britânica detetada no Luxemburgo

Covid-19. Variante britânica detetada no Luxemburgo

AFP
Luxemburgo 2 min. 03.01.2021

Covid-19. Variante britânica detetada no Luxemburgo

Redação
Redação
Primeiro caso foi identificado no final do ano. Estirpe também já chegou a Portugal continental.

O Luxemburgo identificou o primeiro caso da variante britânica do coronavírus, revelou o Ministério da Saúde. Detetado pelo Laboratório Nacional de Saúde entre 19 e 29 de dezembro esta é, para já, a única situação confirmada.

Segundo o ministério, está em curso uma investigação, pela  Inspeção de Saúde, sobre a origem deste caso.

Esta nova variante do SARS-Cov-2 foi identificada no Reino Unido nos últimos meses de 2020 e os estudos, apresentados pelos especialistas britânicos, concluíram que a nova estirpe é mais contagiosa do que a estirpe original, com uma transmissibilidade de até 70%. 

Embora o Ministério da Saúde ressalve que estes números precisam de ser confirmados por novas investigações epidemiológicas e virológicas, lembra que o Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (CEPCD) considera que as variantes recentemente identificadas do covid-19 possam constituir uma fonte de pressão adicional para os sistemas de saúde já sobrecarregados com os atuais casos. Quanto maior a contagiosidade de uma variante, "maior o impacto no número de hospitalizações e mortes".


Portugal já é o segundo país a seguir ao Reino Unido com mais casos da nova variante
Apesar de ter só 18 casos confirmados e todos associados à Madeira, o país aparece em segundo lugar de uma lista de 15 países que já detetaram a variante. Instituto Ricardo Jorge está a investigar amostras suspeitas e admite que possa haver casos no continente.

O Governo apela, assim, aos cidadãos que reforcem os cuidados já aplicados no dia a dia para reduzir o contágio: uso de máscaras, higienização das mãos e etiqueta respiratória, manutenção da distância física, ventilação dos espaços e o evitar de lugares com muita gente.

Nova variante também já está em Portugal continental

A variante do Reino Unido também já foi detetada em Portugal continental. Depois dos 18 casos identificados na Madeira, há cerca de duas semanas, somam-se mais 16 detetados no continente, avançou a RTP este domingo.

A informação consta de um relatório do Instituto Ricardo Jorge enviado ao Governo, refere o canal público.

 Boris Johnson avisa para possibilidade de mais restrições em Inglaterra  

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, avisou hoje que poderão ser decretadas restrições mais rigorosas na Inglaterra para combater a rápida propagação do coronavírus, atribuída a uma nova variante, refere a Agência Lusa. 

O Reino Unido é um dos países europeus mais atingidos pela covid-19, com 75.024 mortes.

Nas últimas 24 horas, mais de 55 mil pessoas testaram positivo para o vírus, ultrapassando a barreira das 50 mil pelo sexto dia consecutivo, de acordo com os dados oficiais divulgados hoje.

"Podemos ter de fazer nas próximas semanas coisas que serão mais difíceis em muitas partes do país", disse Boris Johnson à BBC.

Acrescentou que o encerramento das escolas, uma medida tomada no final de março durante a primeira vaga da pandemia, "é uma dessas coisas".

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas