Escolha as suas informações

Quase 31% dos novos contágios são oriundos da variante indiana
Luxemburgo 17.06.2021
Covid-19

Quase 31% dos novos contágios são oriundos da variante indiana

Covid-19

Quase 31% dos novos contágios são oriundos da variante indiana

Foto: AFP
Luxemburgo 17.06.2021
Covid-19

Quase 31% dos novos contágios são oriundos da variante indiana

Susy MARTINS
Susy MARTINS
A variante britânica continua a dominar a maioria das infeções no Gão-Ducado.

A variante Delta (antiga indiana) esteve na origem de 30,9% dos contágios por SARS-CoV-2 na semana passada no Grão-Ducado, uma subida de 15% face à semana anterior.  Os dados foram revelados no último boletim semanal do Ministério da Saúde, publicado esta quarta-feira. 

Em contrapartida, a presença das outras variantes tem diminuído desde as semanas anteriores. Sem surpresas, a variante Alpha (antiga britânica) continua a dominar a maioria das infeções no país. Dos 324 casos positivos sequenciados na semana de 7 a 13 de junho, 47,4% das infeções foram provocadas pela variante Alpha. Um valor que diminuiu face à semana anterior, em que foi detetada em 66% das amostras. Não foram detetados novos casos da variante Beta (África do Sul), nem da variante Gama (brasileira).


Covid-19. Semana de 7 a 13 de junho foi a melhor desde setembro de 2020
Números continuam a baixar em todos os registos mas a variante Delta (indiana) da doença subiu de 15% para 30%.

Apesar de a situação no Luxemburgo estar atualmente estabilizada, com o número de novas infeções e de hospitalizações relativamente baixo, o Governo não esconde a sua preocupação à volta das variantes, nomeadamente da variante indiana, que está a ganhar terreno no país.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas