Escolha as suas informações

Covid-19. No Luxemburgo casos aumentaram em jovens que regressaram de férias
Luxemburgo 02.09.2020

Covid-19. No Luxemburgo casos aumentaram em jovens que regressaram de férias

Covid-19. No Luxemburgo casos aumentaram em jovens que regressaram de férias

Foto: AFP
Luxemburgo 02.09.2020

Covid-19. No Luxemburgo casos aumentaram em jovens que regressaram de férias

Segundo o relatório semanal do ministério da Saúde, 1487 pessoas estiveram em quarentena e 543 isoladas durante a última semana de agosto.

Na última semana de agosto o número de residentes do Luxemburgo não se registaram mortes causadas por covid-19 e mais de metade da fonte das infecções por covid-19 estão relacionados com férias. 

Dos 288 casos positivos para a semana de 24 a 30 de agosto, 150 estão relacionados com viagens ao estrangeiro. Apesar de não terem ocorrido novos surtos, na semana de 24 a 30 de agosto a idade média dos  infetados tende a diminuir dos 36,6 para os 35 anos de idade. 

Depois de ter afetado principalmente pessoas na casa dos cinquenta e mais jovens, o vírus está agora a espalhar-se mais a populações mais jovens. Os jovens de 20-29 anos são o grupo etário atualmente mais afectado pelo novo coronavírus.


Covid-19. Há 43 novos infetados no Luxemburgo, nas últimas 24 horas
O número de vítimas mortais continua inalterado.

A subida mais notória esta semana foi no número de contactos identificados, que aumentou significativamente, de 1.569 para 2.195 contactos, um aumento de 52%, principalmente devido ao regresso de férias. Segundo o ministério da Saúde, o número de infecções ativas a 30 de agosto era de 570, mais 88 que há uma semana. 

Quanto ao número de pessoas curadas, registaram-se mais 200.A taxa de reprodução efectiva passou de 1,080 para 1,090 enquanto a taxa de positividade nos testes realizados foi estável em 0,76% em comparação aos 0,74% de média da semana anterior. 

O Ministério da Saúde recorda a importância de respeitar as instruções sanitárias mesmo durante as férias no estrangeiro "este é um elemento essencial na luta contra a propagação do vírus", apontam. 

Segundo o Governo, 64 casos (22%) resultaram provavelmente de contaminações intra-familiares e seis casos (2%) estão ligados a festas familiares ou de amigos. Oito casos resultaram de dois grupos de infecção ativa previamente identificados (empresa, habitação coletiva).

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas