Escolha as suas informações

Covid-19 não entrou no centro penitenciário de Schrassig
Luxemburgo 03.04.2020

Covid-19 não entrou no centro penitenciário de Schrassig

Covid-19 não entrou no centro penitenciário de Schrassig

Photo: Pierre Matgé
Luxemburgo 03.04.2020

Covid-19 não entrou no centro penitenciário de Schrassig

Susy MARTINS
Susy MARTINS
Não há detidos infetados nem perigo de sobrelotação da cadeia. Nenhum dos reclusos vai ser libertado, garante a ministra da Justiça.

A ministra da Justiça, Sam Tanson, não prevê libertar detidos do Centro Penitenciário de Schrassig, devido à propagação da covid-19, como é o caso no Irão e nos Estados Unidos.

Segundo a ministra, que informou os deputados esta manhã em comissão parlamentar, não há risco de sobrelotação na prisão de Schrassig e para já nenhum detido foi infetado pelo novo coronavírus. 

A 25 de março ocorreu um motim no Centro Penitenciário, que envolveu 25 reclusos, tendo obrigado à intervenção da polícia e de várias unidades das forças de segurança. Os prisioneiros exigiam, entre outras reivindicações “a libertação antecipada como forma de combater o novo coronavírus.

Uma reivindicação que foi logo à partida rejeitada pelo governo. A ministra da Justiça confirmou, esta manhã, essa decisão aos deputados.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.