Escolha as suas informações

Covid-19. Luxemburgo regista 214 novas infeções em 24 horas, o segundo valor mais alto de sempre
Luxemburgo 15.10.2020

Covid-19. Luxemburgo regista 214 novas infeções em 24 horas, o segundo valor mais alto de sempre

Covid-19. Luxemburgo regista 214 novas infeções em 24 horas, o segundo valor mais alto de sempre

Foto: AFP
Luxemburgo 15.10.2020

Covid-19. Luxemburgo regista 214 novas infeções em 24 horas, o segundo valor mais alto de sempre

Paula SANTOS FERREIRA
Paula SANTOS FERREIRA
O número de casos diários mais elevado é o de 219 a 23 de março. As infeções ativas no País nesta quinta-feira são também as segundas mais altas de sempre, embora sem mortes a registar desde há 3 dias.

Dos 5908 testes de despistagem realizados nas últimas 24 horas, 214 acusaram resultados positivos para a infeção do novo coronavírus. Menos testes do que realizados no dia anterior (7095) mas mais infeções registadas.

A epidemia continua a aumentar no Luxemburgo registando-se esta quinta-feira, o segundo maior número de casos detetados num dia. O valor mais elevado de sempre foi o registado a 23 de março, no pico da primeira vaga, com um total de 219 casos. 

Desde o início da epidemia no País registam-se 10 244 casos de infeção e 133 mortes. Há três dias que não há um novo óbito a assinalar.

Destes 214 novas infeções diárias, a maioria 116 foram identificadas através de pessoas referenciadas para realizar o teste e 65 casos referem-se a pessoas que estiveram em contacto com infetados e por isso mesmo testadas neste rastreamento.

O número de infeções ativas no país, 1727 é o segundo mais elevado de sempre, o recorde remonta a 1 de abril com 1932 casos. 

Nestas 24 horas 49 pessoas foram hospitalizadas, apenas uma a menos do que ontem, contudo o número de internados nos cuidados intensivos aumentaram, aos 3 doentes de quarta-feira juntou-se um novo. Ao todo são quatro pessoas neste momento nos serviços para doentes em estado mais grave.

Já o número de doentes recuperados tem vindo sempre a aumentar. De ontem para hoje mais 76 doentes foram dados como tratados e livres da infeção num total de 8384.

A taxa de reprodução (rt eff) também está a crescer, de 1,19 passou para 1,21 nas últimas 24 horas.

Na taxa de incidência a tendência é também de subida, sendo esta quinta-feira de 34,18 casos de infeção por 100 mil habitantes, contra 30, 35 do dia de quarta-feira.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas