Escolha as suas informações

Covid-19. A máscara de proteção individual vai continuar a ser obrigatória nas escolas
Luxemburgo 2 min. 04.09.2020

Covid-19. A máscara de proteção individual vai continuar a ser obrigatória nas escolas

Covid-19. A máscara de proteção individual vai continuar a ser obrigatória nas escolas

Foto : Chris Karaba
Luxemburgo 2 min. 04.09.2020

Covid-19. A máscara de proteção individual vai continuar a ser obrigatória nas escolas

Manuela PEREIRA
Manuela PEREIRA
"Todos os alunos que tenham sintomas não devem ir à escola", afirmou Claude Meisch, ministro da Educação do Luxemburgo.

A máscara de proteção individual vai continuar a ser obrigatória nos estabelecimentos escolares. No recreio ou no corredor até que o aluno esteja sentado na sala de aula. Foi o que revelou o ministro da Educação, Claude Meisch, esta tarde, em conferência de imprensa. Mas os liceus poderão decidir se a máscara é obrigatória igualmente durante as aulas.

Os alunos vão voltar a ter aulas de desporto, no novo letivo. “Os alunos só podem retirar a máscara no decorrer da aula. Nos balneários terão de a usar”.

Também as cantinas escolares vão reabrir, com os alunos a poderem retirar a proteção nasal e bocal apenas quando estiverem sentados à mesa para comer.

Os alunos do ensino secundário, a partir do quarto ano, poderão seguir as aulas através de ‘livestream’. Isto “porque está provado que há mais riscos de contágios para os jovens do que para as crianças”, disse o ministro Meisch.

Entre as novidades hoje anunciadas, destaque também para a criação de uma célula permanente, composta por peritos do sistema de ensino e da saúde, para seguir atentamente a evolução dos contágios nas escolas que irá “comunicar de forma transparente o número de casos”. O ministro da Educação voltou a apelar à realização de testes. Todo o pessoal docente e os alunos receberam, por correio, um convite para fazer o teste de diagnóstico antes do arranque do novo ano letivo. Até porque, lembrou Claude Meisch, “metade das infeções de covid-19 da última semana no Luxemburgo deve-se a regressos das férias”.


Ano letivo 2020/2021. Ministro da Educação revela plano de contingência
Caso surja um foco de covid-19 numa escola os alunos e professores serão colocados em quarentena.

O ministro garante também que “as escolas que terão mais contágios serão testadas rapidamente, através de um centro móvel (carrinha ou autocarro) de despistagem”. Entre as novas diretrizes às escolas está o arejamento das salas de aula. “Arejar, arejar e arejar”, sublinhou o ministro, acrescentando que “todas as janelas e portas das escolas deverão ser abertas no final do dia de aulas.”

“Mesmo na biblioteca, nas salas de conferência, durante as pausas há que pensar no distanciamento social ou no uso da máscara, caso a distância de dois metros não puder ser respeitada”, lembrou o governante. Quanto aos ateliês de tempos livres (maison relais) mantêm-se as regras aplicadas este verão. Quer isto dizer que grupos até 30 crianças não têm de usar máscara. A partir de 30 crianças, o uso da máscara e a distância de dois metros são obrigatórios.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas