Escolha as suas informações

Coronavírus. Ministério da Saúde garante que "autoridades estão preparadas" no Luxemburgo
Luxemburgo 24.02.2020

Coronavírus. Ministério da Saúde garante que "autoridades estão preparadas" no Luxemburgo

Coronavírus. Ministério da Saúde garante que "autoridades estão preparadas" no Luxemburgo

Luxemburgo 24.02.2020

Coronavírus. Ministério da Saúde garante que "autoridades estão preparadas" no Luxemburgo

Madalena QUEIRÓS
Madalena QUEIRÓS
O diretor -geral de Saúde, Jean Claude Schmit, afirmou ao Contacto que "não exclui a hipótese de surgirem casos, mas não há motivo para alarme".

"Há um risco moderado" de surgirem casos de contaminados com o Covid-19  no Luxemburgo, mas caso surjam "as autoridades estão preparadas", afirma Jean-Claude Schmit , diretor-geral de saúde luxemburguês. "Não estamos muito inquietos porque o número de casos fora da China, ainda é baixo", acrescenta o diretor-geral de saúde. Quanto à subida dos casos em Itália, o dirigente do Ministério da Saúde afirma "confiar nos colegas italianos para controlar o vírus". Caso surja algum caso no Luxemburgo "temos tudo o que é necessário para isolar" o contaminado, acrescentou. Para quem veio de Itália, a direção-geral de saúde recomenda que "meça a temperatura, duas vezes por dia,  durante 14 dias".

O diretor -geral de Saúde nega, para já, a hipótese de declarar quarentena para os alunos que tenham estado em zonas de risco moderado nas escolas públicas, luxemburguesas dizendo que "estão a seguir as orientações da organizações internacionais". Recorde-se que duas escolas privadas solicitaram aos alunos  que tenham passado as férias de Carnaval nas regiões onde o surto do Covid-19 eclodiu para não frequentar as aulas durante 14 dias.

"Só as pessoas que provenham de zonas, com elevado risco de contaminação como as províncias do Wuhan são colocadas em quarentena", sublinhou o diretor-geral de Saúde.










Notícias relacionadas