Escolha as suas informações

COPAS critica nova ‘lei covid’
Luxemburgo 09.06.2021

COPAS critica nova ‘lei covid’

COPAS critica nova ‘lei covid’

Foto: Lex Kleren
Luxemburgo 09.06.2021

COPAS critica nova ‘lei covid’

Henrique DE BURGO
Henrique DE BURGO
Entre outras críticas, a COPAS está contra a possibilidade de um empregador poder despedir um empregado que se recuse a fazer o teste.

A poucos dias de o Parlamento votar a nova ‘lei covid’, que deverá entrar em vigor no dia 13 de junho, a Confederação dos Organismos Prestadores de Assistência e Cuidados de Saúde (COPAS) critica o novo texto.

Entre as críticas, a COPAS refere que não faz sentido os médicos ou profissionais de saúde dos lares de idosos que não estão vacinados serem testados duas vezes por semana, enquanto um motorista ou um cozinheiro são obrigados a fazer um autoteste por dia ou um teste rápido de antigénio a cada dois dias.

A COPAS defende dois testes de autodiagnóstico por semana para quem está em contacto diário com os idosos, sem haver distinção entre funcionários e prestadores de serviços.

Entre outras críticas, a COPAS está contra a possibilidade de um empregador poder despedir um empregado que se recuse a fazer o teste. O organismo de defesa dos prestadores de cuidados de saúde diz ainda que o novo texto põe em causa o direito à privacidade já que o funcionário está obrigado a revelar ao empregador se está ou não vacinado, caso recuse fazer um teste.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas