Escolha as suas informações

Comprar casa no Luxemburgo custa em média quase 800 mil euros
Luxemburgo 17.10.2018

Comprar casa no Luxemburgo custa em média quase 800 mil euros

Comprar casa no Luxemburgo custa em média quase 800 mil euros

Foto: Pixabay
Luxemburgo 17.10.2018

Comprar casa no Luxemburgo custa em média quase 800 mil euros

O estudo mais recente do atHome.lu mostra que é cada vez mais caro comprar casas e apartamentos no Luxemburgo. O custo médio do metro quadrado dos apartamentos chega aos 5.390 euros. Arrendar um estúdio ultrapassou, pela primeira vez, a barreira dos 1000 euros.

Está cada vez mais caro. Comprar casa no Luxemburgo custa, em média, 764.860 euros. Se a opção for um apartamento, é preciso desembolsar quase meio milhão (460.983 euros).

Segundo os mais recentes dados do portal atHome.lu, o preço médio do metro quadrado de uma casa ronda atualmente os 4.308 euros. Se se tratar de um apartamento, o montante sobe para os 5.390.

Os preços de venda registam assim um aumento de 8%, no caso dos apartamentos, e de 9%, no que toca às casas.

Arrendar um estúdio (T0) custa agora, em média, 1.009 euros por mês. É a primeira vez que a barreira dos mil euros é ultrapassada.

O montante sobe para 1.486 se se tratar de um apartamento e para 2.740 no caso de uma casa, de acordo com o portal de compra e venda de apartamentos e casas.

Nos últimos 12 meses, as rendas registaram um aumento mais pronunciado em relação aos anos anteriores. As rendas dos apartamentos subiram 5%, ao passo que as das casas cresceram 6%. à exceção das casas de três e quatro quartos, este aumento abrange todos os tipos de apartamentos e casas.

Importa lembrar que os dados do atHome.lu têm como base os anúncios divulgados na plataforma e que uma grande parte deles diz respeito à região centro, algo que poderá fazer com que a média dos preços seja tão elevada.

Diana Alves


Notícias relacionadas

Statec: Estúdios mais caros em média do que os apartamentos
Os preços elevados da habitação, para vender ou arrendar, são apontados, há décadas, como um dos maiores problemas, para quem chega e se quer instalar no Luxemburgo. O segundo trimestre deste ano confirmou essa tendência, com uma subida anual dos preços do imobiliário de 5,6%.