Escolha as suas informações

Centenas de peixes aparecem mortos no Alzette, em Walferdange
Luxemburgo 15.09.2019

Centenas de peixes aparecem mortos no Alzette, em Walferdange

Centenas de peixes aparecem mortos no Alzette, em Walferdange

Luxemburgo 15.09.2019

Centenas de peixes aparecem mortos no Alzette, em Walferdange

As autoridades atribuem a responsabilidade a um problema técnico na estação de tratamento de águas residuais de Beggen que provocou uma descarga de água por tratar no rio.

Foi uma tarde atípica de sábado no rio Alzette onde muitas centenas de peixes apareceram mortos, perto do campo de futebol, em Walferdange. Num comunicado, o governo informou este domingo que o problema estará relacionado com “uma descarga de águas residuais sem tratamento biológico no Alzette”. 

As autoridades descobriram “água muito turva e falta de oxigénio” nas amostras recolhidas e identificaram a estação de tratamento de águas residuais em Beggen como a responsável. O próprio chefe da estação, Simone Beissel, confirmou à RTL o acidente.

Uma equipa de especialistas visitou o local no sábado à noite para avaliar a extensão do problema e, de acordo, com as autoridades tudo voltaria ao normal a partir das 19.20. Terá sido um problema no funcionamento de uma válvula entre a noite de sexta-feira e sábado que provocou o escoamento de águas por tratar no rio.

O autarca de Walferdange, que soube do incidente através dos bombeiros, está a avaliar o impacto ambiental e à procura de soluções para resolver a poluição no rio o mais rapidamente possível.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.