Escolha as suas informações

Caso suspeito de coronavírus no Luxemburgo não se confirma
Luxemburgo 02.02.2020

Caso suspeito de coronavírus no Luxemburgo não se confirma

Caso suspeito de coronavírus no Luxemburgo não se confirma

Foto: AFP
Luxemburgo 02.02.2020

Caso suspeito de coronavírus no Luxemburgo não se confirma

O resultado das análises feitas ao paciente suspeito de ter a infecção do novo coronavírus (2019-nCov) excluiu essa hipótese.

O caso suspeito, divulgado ontem, de um doente internado no Centro Hospitalar do Luxemburgo que apresentava sintomas semelhantes aos causados pela infeção do coronavírus não se confirmou.

Segundo o L'Essentiel, o Ministério da Saúde e o Gabinete do Alto Comissário para a Protecção Nacional confirmaram ao final da noite deste sábado que o resultado das análises feitas ao paciente suspeito de ter a infecção do novo coronavírus (2019-nCov) excluiu essa hipótese.

 "As análises realizadas pelo Laboratório Nacional de Saúde conseguiram, no entanto, excluir a infecção por este vírus", referem as autoridades de saúde, citadas por aquele órgão. O paciente em causa, acrescentam, é "um cidadão europeu que regressou da China há 10 dias".


Detetado primeiro caso suspeito de coronavírus no Luxemburgo
Paciente foi colocado em isolamento numa área do Centro Hospitalar do Luxemburgo. Infeção "não está excluída do diagnóstico, diz diretor do CHL.

O ministério da Saúde reforça o pedido que já tinha feito nas primeiras recomendações divulgadas e pede a quem sinta sintomas - como febre, dificuldades respiratórias, tosse e falta de ar - que não se dirija aos serviços de urgência, para evitar possíveis contágios. Deve antes contactar a Inspecção de Saúde através do telefone (+352) 247- 85650 ou 112, que encaminharão o caso para o serviço médico adequado. 

O coronavírus já fez mais de 300 mortos na China e continuam a aumentar os casos de pessoas infetadas, que, neste momento, ascendem aos 14 mil. 


Notícias relacionadas