Escolha as suas informações

Carros terão novos sistemas de segurança obrigatórios
Luxemburgo 17.04.2019

Carros terão novos sistemas de segurança obrigatórios

Carros terão novos sistemas de segurança obrigatórios

Luxemburgo 17.04.2019

Carros terão novos sistemas de segurança obrigatórios

Os fabricantes automóveis vão ter de se adaptar e os condutores também, porque há novos dispositivos que serão obrigatórios num carro. O objetivo é reduzir os acidentes na estrada.

Travão automático, caixa negra que regista os dados do veículo em caso de acidente, detetor de sonolência. São apenas alguns dos dispositivos que os carros novos terão de ter a partir de maio de 2022. O Parlamento Europeu aprovou novas normas para reduzir os acidentes nas estradas.

Os novos automóveis terão de ter um sistema de adaptação inteligente da velocidade e um travão de urgência. Além disso, os veículos vão passar a contar com um sistema de alerta de sonolência e de distração do condutor. A caixa negra do veículo vai também passar a ser uma realidade, para que se possam registar os dados dos acontecimentos em caso de acidente.

Os carros passam ainda a ter um sistema de medição de álcool imobilizador e um sistema que deteta a marcha atrás. Os camiões e autocarros passam a ser construídos, de forma a que ciclistas e peões sejam vistos com maior facilidade pelo condutor. 

Para os veículos novos de modelos já existentes, estas obrigações serão válidas apenas a partir de 2022.

Os novos dispositivos:

  • Sistema de adaptação inteligente da velocidade
  • Travão de urgência
  • Sistema de alerta de sonolência e de distração do condutor
  • Caixa negra do veículo
  • Sistema de medição de álcool imobilizador
  • Sistema de deteção de marcha atrás

Mortes nas estradas do Luxemburgo aumentaram 44% em 2018
O Luxemburgo é o país da União Europeia (UE) com a maior taxa de mortes na estrada entre 2017 e 2018. De acordo com dados provisórios divulgados, esta quinta-feira, pela Comissão Europeia (CE), os acidentes fatais aumentaram 44%, num ano.

O Luxemburgo foi o país da União Europeia (UE) com a maior taxa de mortes na estrada entre 2017 e 2018. De acordo com dados provisórios da Comissão Europeia (CE), os acidentes fatais aumentaram 44%, num ano no Grão-Ducado.