Escolha as suas informações

Breves Luxemburgo 17.02.2019

Caixa de granadas encontrada em Belvaux

Um homem encontrou numa casa na rua de Soleuvre em Belvaux uma caixa de granadas. Levou a caixa até ao jardim antes de prevenir a polícia O serviço de minhas e armadilhas tomou conta da ocorrência e pode constatar que, felizmente, os engenhos explosivos não tinham detonador, não representando um perigo imediato.

No seu comunicado, a polícia alerta que quando se encontra um engenho explosivo as pessoas não devem mexer neles, devem prevenir imediatamente a polícia, ligando o número de emergência, o 113. 

O Luxemburgo foi palco de violentos combates na Segunda Guerra Mundial, existem provavelmente ainda por descobrir vários engenhos explosivos. São perigosos e podem explodir como aconteceu no trágico acidente no depósito de Waldhof, em que perderam a vida dois militares na passada quinta-feira. 


Breves Economia 21.01.2020

Luxemburgo com o sexto maior excedente da União Europeia

O Grão-Ducado registou um excedente de 0,8% do Produto Interno Bruto (PIB) no terceiro trimestre de 2019. É o sexto maior superávite dos 28, mas representa um tombo significativo quando comparado com o excedente de 2,6% verificado no trimestre anterior e de 4,1% observado no período homólogo.

De acordo com o gabinete de estatísticas da União Europeia (UE), Portugal e Malta também tiveram um excedente de 0,8%. No total dos 28 Estados-membros, o défice foi de 0,9%, o mesmo nível do segundo trimestre e um agravamento quando comparado com o mesmo período de 2018.

O Eurostat também publicou dados sobre a dívida pública. Neste caso, o Luxemburgo surge no segundo lugar dos países com a dívida mais baixa: de 20,2%, uma redução de 0,2 pontos percentuais face ao trimestre anterior e também uma melhoria face aos 21,2% verificados um ano antes.

A dívida pública portuguesa está em trajetória descendente, mas é, ainda assim, a terceira mais elevada da União Europeia: a dívida está agora nos 120,5% do PIB. A média da UE é de 80,1%, também uma melhoria face ao trimestre anterior e ao período homólogo.

Breves Economia 20.01.2020

OCDE. Taxa de emprego desce para 67,9% no Luxemburgo

A taxa de emprego no terceiro trimestre de 2019 desceu 0,5 pontos percentuais no Luxemburgo, atingindo os 67,9%, face ao trimestre anterior (68,4%).

Em contraciclo, a taxa de emprego no conjunto dos países da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico - OCDE - subiu para 68,9%, duas décimas face ao trimestre anterior.

Já na zona euro, a taxa de emprego manteve-se estável nos 67,9%, com o emprego a subir mais na Estónia, Letónia e Portugal. As descidas mais acentuadas foram verificadas em França, no Luxemburgo e na Eslovénia.

Na comparação homóloga, com igual período de 2018 (66,9%), o Luxemburgo registou um aumento de um ponto percentual.

Segundo dados divulgados pela OCDE, no terceiro trimestre de 2019 existiam 608 milhões de pessoas com emprego nos 36 países que a compõem, incluindo 290 mil empregados no Luxemburgo.