Escolha as suas informações

Bolsonaro ganha no Luxemburgo
Luxemburgo 08.10.2018 Do nosso arquivo online

Bolsonaro ganha no Luxemburgo

Bolsonaro ganha no Luxemburgo

Foto: AFP
Luxemburgo 08.10.2018 Do nosso arquivo online

Bolsonaro ganha no Luxemburgo

Os brasileiros do Grão-Ducado deram 42,9% dos votos ao candidato da extrema-direita brasileira. Fernando Haddad, do PT, que vai disputar a segunda volta no dia 28 de outubro, apenas teve 9,3% dos votos dos eleitores brasileiros que votaram no Luxemburgo.

O candidato da extrema-direita (PSL) Jair Bolsonaro venceu as eleições presidenciais brasileiras no Luxemburgo.

Bolsonaro obteve 42,9% dos votos (46 eleitores) no grão-ducado.

Os dados foram publicados pelo cônsul honorário do Brasil no Luxemburgo, André Bezerril, na rede social Facebook.

O segundo candidato mais votado pelos residentes brasileiros no Grão-Ducado foi Ciro Gomes (PDT), com 27,1% dos votos (29 eleitores).

João Amoedo (Novo) foi o terceiro candidato à presidência do Brasil mais votado no Luxemburgo, com 12,1% dos votos (13 eleitores).

O candidato do PT Fernando Haddad, que vai disputar a segunda volta com Bolsonaro, foi o quarto mais votado, tendo obtido 9,3% dos votos (10 eleitores).

Geraldo Alckmin (PSDB) e Marina Silva (Rede), obtiveram cinco e quatro votos, respetivamente.

De acordo com o cônsul honorário, 186 brasileiros residentes no Luxemburgo estavam aptos a votar nesta primeira volta das eleições presidenciais, sendo que apenas 107 se deslocaram até às urnas, apesar do voto ser obrigatório.

Na publicação, o cônsul honorário lança um apelo à comunidade brasileira para que se desloque às urnas a 28 de outubro, dia da segunda volta.

Susy Martins

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

O candidato liberal à presidência francesa Emmanuel Macron foi o candidato mais votado pelos franceses residentes no Luxemburgo, com o independente a obter 41,5% dos votos.