Escolha as suas informações

Após a morte de trabalhador português: Trabalhos de construção de centro comercial interrompidos
Luxemburgo 14.11.2016

Após a morte de trabalhador português: Trabalhos de construção de centro comercial interrompidos

Após a morte de trabalhador português: Trabalhos de construção de centro comercial interrompidos

Foto: Chris Karaba
Luxemburgo 14.11.2016

Após a morte de trabalhador português: Trabalhos de construção de centro comercial interrompidos

Os trabalhos de construção de um novo centro comercial em Gasperich, no Luxemburgo, foram interrompidos após o acidente da semana passada, que vitimou mortalmente um trabalhador português e feriu outros dois.

Os trabalhos de construção de um novo centro comercial em Gasperich, no Luxemburgo, foram interrompidos após o acidente da semana passada, que vitimou mortalmente um trabalhador português e feriu outros dois.

A informação foi hoje avançada pela edição inglesa do Luxemburguer Wort.

"A construção parou para permitir que a investigação decorra nas melhores condições possíveis. Tenho a impressão de que as coisas estão a progredir bem e espero que possamos voltar ao trabalho muito em breve”, disse Serge Estgen, porta-voz das empresas LCO1 e LCO2, responsáveis pelo projeto da obra.

Sergen Estgen garantiu ainda que os trabalhadores vão ser pagos, “como se estivessem a trabalhar”, enquanto decorrer a investigação para apurar as circunstâncias do acidente laboral.

“Os trabalhadores estão a sofrer muito psicologicamente porque foi um colega deles que morreu. Está a ser muito difícil para eles”, disse Estgen.

O acidente, que ocorreu por volta das 10:50 de quinta-feira, deu-se na sequência da queda de uma placa de betão num centro comercial em construção, em Gasperich, na capital.

Um trabalhador português morreu e outro ficou gravemente ferido. Um terceiro operário sofreu ferimentos leves.

As autoridades competentes abriram uma investigação ao caso para determinar as circunstâncias do acidente.

O porta-voz das empresas LCO1 e LCO2 não quis comentar a investigação, dizendo apenas que o acidente “não foi resultado de estruturas ou materiais defeituosos”.


Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas

Família de português que morreu em acidente de trabalho quer respostas
O acidente em 10 de novembro de 2016 nas obras do centro comercial Auchan, em Gasperich, "podia ter sido evitado se tivessem sido seguidas todas as normas de segurança", considerou na altura o ministro do Trabalho. Dois anos depois, a família do trabalhador português que morreu continua sem saber a causa do acidente.
Accident Ban de Gasperich, le 10 Novembre 2016. Photo: Chris Karaba