Escolha as suas informações

Andar sem máscara nos locais públicos dá 149 euros de multa
Luxemburgo 2 min. 17.04.2020 Do nosso arquivo online

Andar sem máscara nos locais públicos dá 149 euros de multa

Andar sem máscara nos locais públicos dá 149 euros de multa

Photo: AFP
Luxemburgo 2 min. 17.04.2020 Do nosso arquivo online

Andar sem máscara nos locais públicos dá 149 euros de multa

Paula SANTOS FERREIRA
Paula SANTOS FERREIRA
A partir de segunda-feira o uso da máscara bocal será obrigatório, nos transportes públicos, mercados, lojas, em todos os locais de comércio e públicos, anunciou o ministro François Bausch.

O ministro François Bausch anunciou novas medidas de prevenção em locais públicos na reabertura de alguns setores.

O governo assumiu o uso da máscara pela população do Grão-Ducado. A partir de segunda-feira, quando a construção civil e outros setores irão recomeçar os habitantes são obrigados a usar máscara de proteção em todos os locais públicos.


Covid-19. Confinamento em casa continua a ser a regra
“É importante continuar a manter a disciplina”, disse o vice-primeiro-ministro e ministro da Mobilidade, François Bausch, em videoconferência de imprensa. Como tal, continuam a ser válidas a três principais regras que o governo decretou durante os três meses de estado de emergência para evitar o contágio do novo coronavírus.

Como nos transportes públicos, frisou o ministro François Bausch na conferência de imprensa de hoje.

“Uma nova regra será agora aplicada e que era até agora suplementar: a proteção da boca para evitar propagar o vírus, pela saliva e gotículas, meios perigosos de contaminação”, disse Bausch.


Cinco máscaras por pessoa distribuídas nas caixas de correio
As cidades do Luxemburgo e de Esch vão iniciar a distribuição através dos correios, a partir da próxima segunda-feira.

Podem ser máscaras feitas em casa, uma echarpe um lenço, qualquer meio que proteja a boca, adiantou.

A partir de segunda-feira, o uso de máscara será obrigatório nos transportes públicos, mercados, lojas, locais onde é “difícil manter as distâncias socias” e para “proteger cada um”.

A ausência de máscara será punida com uma multa de 149 euros, precisou o ministro. A partir de segunda-feira irá começar uma grande campanha de informação e sensibilização sobre o uso obrigatório da máscara.

 "O objetivo não é punir, mas educar: estas regras devem ser respeitadas para o bem de todos", declarou o vice primeiro-ministro.

Escolas reabrem a 4 de maio


A woman wearing a protective mask takes the buss in Stockholm on April 14, 2020 amid the novel coronavirus COVID-19 pandemic. (Photo by Jonathan NACKSTRAND / AFP)
Covid-19. Comunas distribuem máscaras a partir de segunda-feira
Até aqui o uso de máscaras era apenas recomendado. A partir de segunda-feira, 20 de abril, será uma obrigação para todos os cidadãos.

O ministro lembrou que a escola irá reabrir a 4 de maio e mais gente irá começar a circular nas ruas. Por isso, o uso da máscara é obrigatório.

Nesta nova fase da crise sanitária no Luxemburgo, o confinamento irá continuar para quem não tenha que trabalhar. E a polícia irá continuar a realizar ações de controlo nas vias públicas.

“Cerca de 100 controlos são efetuados diariamente pela polícia, tanto em particulares que efetuam viagens injustificadas como em empresas, como os cafés”, disse Bausch.

Distanciamento social e sem festas

As regras continuam como nas últimas cinco semanas, há que continuar a limitar os movimentos para evitar a propagação do novo coronavírus.

“Na última semana, tem havido festas, eu compreendo, mas isso continua a não poder ser realizado”, vincou.

“As pessoas ainda não vão poder ir jantar a casa de amigos” ou realizar festas, advertiu este governante.


Covid-19. Governo luxemburguês distribui máscaras pelas empresas
O governo vai distribuir um kit de cinco máscaras por cada trabalhador nas empresas do Grão-Ducado.

Bausch declarou que a polícia não pode entrar em casa das pessoas, “mas se algum vizinho se queixar de que há uma festa num jardim, com várias pessoas, a polícia poderá ir verificar”.

Na conferência de imprensa conjunta os ministros François Bausch e Dan kersch anunciaram novas regras para continuar a combater a pandemia. “Toda a gente tem de manter a disciplina e respeitar as regras”, disse por seu turno, Kersch, sublinhando, no entanto, que “já podemos ver uma luz ao fundo do túnel”. E a partir de 11 de maio, dia em que termina o estado de emergência, poderá iniciar-se uma nova fase com mais abertura, vincam.

O Contacto tem uma nova aplicação móvel de notícias. Descarregue aqui para Android e iOS. Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas