Escolha as suas informações

2019 teve menos mortos na estrada
Luxemburgo 06.01.2020 Do nosso arquivo online

2019 teve menos mortos na estrada

2019 teve menos mortos na estrada

Chris Karaba
Luxemburgo 06.01.2020 Do nosso arquivo online

2019 teve menos mortos na estrada

Teresa CAMARÃO
Teresa CAMARÃO
O L'Essentiel fala no número mais baixo de sempre. No ano passado 19 pessoas morreram em acidentes de viação, menos 17 do que em 2018.

Ainda não há dados oficiais mas o balanço que o L'Essentiel divulgou esta segunda-feira aponta para menos mortes nas estradas do Luxemburgo em 2019.

O jornal fala no "número mais baixo de sempre". Ao todo 19 pessoas morreram na sequência de acidentes de viação registados no Grão-ducado. Além de 14 condutores, três motociclistas, um ciclista e um peão não resistiram aos ferimentos e acabaram por morrer no ano passado. 

A título de comparação, 36 pessoas morreram na estrada em 2018 e outras 25 em 2017. 

O Presidente da Segurança Rodoviária enaltece a prevenção nas vias luxemburguesas. "Os números não dizem nada sobre o estado das nossas estradas ou sobre o comportamento dos utentes mas são encorajadores. Mostram que o trabalho de prevenção e aplicação da lei está a dar frutos e que estamos no caminho certo", sublinha Paul Hammelmann em entrevista ao diário do Luxemburgo. 

Árvores matam mais que a velocidade

Mais do que o excesso de velocidade, o Presidente do Departamento de Segurança Rodoviária vinca que um dos maiores perigos nas estradas do Grão-ducado são as árvores "localizadas demasiado perto da faixa de rodagem". 

Só no ano passado seis pessoas morreram depois dos respetivos veículos terem embatido contra uma árvore. Hammelmann garante que há "vontade política para remover o perigo" e que agora "basta pô-la em prática". 

   


Notícias relacionadas