"The Crown 3" insinua que Rainha Isabel II foi infiel
Radio Latina 3 min. 13.11.2019

"The Crown 3" insinua que Rainha Isabel II foi infiel

"The Crown 3" insinua que Rainha Isabel II foi infiel

AFP
Radio Latina 3 min. 13.11.2019

"The Crown 3" insinua que Rainha Isabel II foi infiel

A terceira temporada da série começa já este fim de semana, dia 17, na Netflix.

Ao que tudo indica, a terceira temporada da série sobre a família real britânica explora novo território da vida pessoal da rainha Isabel II. 

No próximo domingo, "The Crown" regressa após dois anos (a segunda temporada terminou em dezembro de 2017), e traz um elenco novo e uma 'nova rainha'. 

Olivia Colman, que ganhou o Óscar de Melhor Atriz pelo desempenho em 'A Favorita',  substituiu a atriz Claire Foy no papel da rainha Isabel II, no período do reinado entre 1964 a 1977. 

Colman, que se revelou uma "apaixonada" pela monarca, retrata uma fase menos 'ingénua' de Isabel II (nas temporadas anteriores, vemos uma Isabel que ainda se está a habituar à posição). 

Afinal, já está no reinado há algum tempo, inclusive, a série mostra a celebração do Jubileu de Prata (25 anos) da rainha. 

A relação entre Isabel II e o marido, o príncipe Filipe, Duque de Edimburgo, volta a ser tema. E a série pisa terreno escorregadio ao insinuar que terá existido um caso extra-conjugal entre a monarca e Lord Porchester, o seu gerente de corridas de cavalos. 

A rainha é vista a visitar propriedades na Europa na companhia de 'Porchie'. Quando retorna ao Palácio de Buckingham, Filipe pergunta-lhe como foi a viagem e a rainha dirá algo como: "Se tem algo a dizer, diga agora. Caso contrário, se não se importa, estou ocupada". 

AFP

A insinuação já mereceu a condenação do antigo secretário de imprensa da Rainha, Dickie Arbiter. Ao jornal 'The Times', assegurou que "a rainha é a última pessoa no mundo a pensar em olhar para outro homem". Não é apenas um engano, é uma boato vil que se arrasta há décadas."

Relativamente à própria série e à veracidade dos fatos nela relatados, Arbiter preocupa-se que quem vê, ache que tudo o que é descrito seja verídico. 

"'The Crown' é ficção. Ninguém conhece nenhuma conversa entre os membros da família real, mas as pessoas contam a história que querem e, sobretudo, tentam criar sensacionalismo", realçou.

O duque de Edimburgo e os rumores de infidelidade  

Na temporada dois, a trama esteve focada no príncipe Filipe e na difícil relação com o papel assumido na monarquia. Essa adaptação conturbada atingiu o casamento com Isabel II, assume a série. 

São vários os momentos da ficção em que se deixa em suspenso a suspeita de infidelidade do marido da monarca. 

Netflix

A bordo do Royal Yacht Britannia, em 1957, a rainha - a atriz Claire Foy - fala abertamente com o marido. "Pensei que poderíamos aproveitar essa oportunidade, sem filhos, sem distração, para colocar nossas cartas na mesa, e falar sobre o que precisa mudar para que esse casamento funcione". 

O motivo de afastamento do casal terá sido a viagem oficial de cinco meses longe da família por sua esposa e filhos, a bordo do Iate Real Britânico.

Noutra cena de 'The Crown 2', a rainha descobre uma fotografia de outra mulher na bagagem do príncipe. Tratava-se de Galina Ulanova, uma das maiores bailarinas do século XX. Isabel II chega a ir ver Ulanova dançar. Nunca se soube em concreto nada em relação ao relacionamento dos dois.

Outro dos escândalos que abalou a reputação do duque - e foi mostrado na série - esteve relacionado com o "Thursday Club", um clube restrito em Londres conhecido pelas festas, que este e o melhor amigo, Mike Parker, costumavam frequentar. 

A ex-mulher de Mike Parker, Eileen Parker, publicou o livro 'Step Aside for Royalty', em 1982, em que relata que os dois homens saiam do Palácio de Buckingham e usavam os pseudónimos "Murgatroyd and Winterbottom" para sair e estar com outras mulheres. 

Publicamente, a rainha sempre fez questão de salvaguardar que a unidade familiar estava intacta. E, apesar dos vários rumores, nunca se veio a confirmar qualquer traição - das duas partes. Os monarcas festejaram recentemente os 70 anos de casados.

Ana Patrícia Cardoso 


Notícias relacionadas

A rainha Isabel II é uma "grande feminista"

Radio Latina 1 por Ana Patrícia CARDOSO 2 min. 12.11.2019