Mais de 40 artistas portugueses pedem a Conan Osiris que boicote Eurovisão

Mais de 40 artistas portugueses pedem a Conan Osiris que boicote Eurovisão

Foto: Lusa
Radio Latina 3 min. 28.03.2019

Mais de 40 artistas portugueses pedem a Conan Osiris que boicote Eurovisão

Até ver, o cantor de "Telemóveis" vai representar Portugal na Eurovisão, em Israel. A primeira semifinal está marcada para 14 de maio.

Mais de 40 artistas portugueses apelaram, numa carta aberta, ao cantor Conan Osiris para que não vá a Israel em maio representar Portugal no Festival Eurovisão da Canção, "respondendo ao apelo do povo oprimido palestiniano". "Conan Osiris, vimos por este meio pedir-te que não vás a Telavive em representação de Portugal na Eurovisão, respondendo ao apelo do povo oprimido palestiniano", começam por dizer os artistas na carta aberta hoje divulgada.

Entre os subscritores da missiva estão o diretor artístico do Teatro Nacional D. Maria II, Tiago Rodrigues, músicos como José Mário Branco, Chullage, Francisco Fanhais e Vítor Rua, a realizadora Raquel Freire, escritores, entre os quais Alexandra Lucas Coelho e Afonso Cruz, a coreógrafa e bailarina Olga Roriz, artistas plásticos como Joana Villaverde. Vários atores, entre os quais Maria do Céu Guerra, Pedro Lamares e Sara Carinhas, também subscreveram o pedido. 

De acordo com a opinião dos artistas, marcar presença no concurso "seria ignorar o cerco ilegal que Israel mantém a 1,8 milhões de palestinianos em Gaza, negando-lhes os direitos mais básicos". A carta menciona a escassez de água na região, bem como o cerco "por muros e soldados onde [os habitantes] são agredidos e assassinados de forma impune. A ONU considera que Gaza é "inabitável", mencionam.  

Os artistas alertam o músico que "a escassos minutos" de onde vai decorrer o Festival Eurovisão da Canção, "vivem ainda 2,7 milhões de palestinianos aprisionados por um muro de apartheid ilegal". Ao mesmo tempo que elogiam o cantor que conseguiu "deslumbrar Portugal" com a sua "música e honestidade", pedem-lhe que não deixe que Israel use a sua "arte para branquear os seus crimes contra o povo palestiniano". "Junta-te a milhares de artistas de todo o mundo que se expressaram contra a Eurovisão em Israel”, apelam, garantindo que o apoiarão: "estaremos contigo".

"O parlamento israelita aprovou este estado de apartheid através da 'Lei do Estado-Nação do povo judeu', que declara a superioridade racial de israelitas judeus. Já foi condenada pela União Europeia, incluindo por Portugal", referem. Israel acolhe este ano o concurso, porque no ano passado foi o país vencedor, com Netta Barzilai e o tema "Toy".  


Festival da Canção. Conan Osiris, da sex-shop a fazer músicas a ligar diretamente para o céu
Quem é Conan Osiris, o jovem português mais votado pelo público no apuramento para a Eurovisão em Israel? Cantou "Telemóveis", mas o seu repertório inclui "Adoro Bolos" ou "Celulitite", a par com as sonoridades pouco convencionais.

Roger Waters, ex-Pink Floyd, apelou à "solidariedade" do artista português

Este não é o primeiro apelo que é feito ao representante de Portugal no Festival Eurovisão da Canção da canção para que boicote o concurso. Em meados de março o Comité de Solidariedade com a Palestina, o SOS Racismo e as Panteras Rosas fizeram um apelo escrito semelhante ao artista. "A escassos minutos de onde terá lugar o festival, Israel mantém um cerco ilegal a 1,8 milhões de palestinianos em Gaza, negando-lhes os direitos mais básicos".

Ainda este mês, o músico britânico Roger Waters, um dos fundadores dos Pink Floyd, dirigiu uma carta aberta a Conan Osiris, e aos outros finalistas deste ano, na qual lhe pedia para "fazer a coisa certa". Na carta, o músico elogiava a música "Telemóveis" e pedia uma demonstração "de solidariedade para com os 189 manifestantes desarmados mortos a tiros por atiradores de Israel em Gaza no ano passado, incluindo pelo menos 35 crianças".

Até hoje, Conan Osiris não respondeu ao apelo de Roger Waters. Numa entrevista a um canal de televisão israelita, quando questionado sobre se era verdade que Roger Waters lhe tinha enviado uma carta o artista respondeu: "Bem, é o que se vê". De acordo com o regulamento do concurso, os concorrentes não podem tomar posições políticas, correndo o risco de serem desclassificados.

Este ano, 41 países disputam o Festival Eurovisão da Canção. O representante de Portugal atua na primeira semifinal, marcada para 14 de maio. A segunda final decorre a 16 de maio e a final está marcada para dia 18 do mesmo mês.

Lusa


Notícias relacionadas

Evento vai realizar-se em Telavive, capital israelita, a 16 e 18 de maio deste ano.

Novidades "festivaleiras" reveladas hoje

Radio Latina por Marco António OLIVEIRA RIBEIRO 16.01.2019