Globos de Ouro. Noite de surpresas e ataques a Trump
Radio Latina 2 4 min. 06.01.2020 Do nosso arquivo online

Globos de Ouro. Noite de surpresas e ataques a Trump

Globos de Ouro. Noite de surpresas e ataques a Trump

AFP
Radio Latina 2 4 min. 06.01.2020 Do nosso arquivo online

Globos de Ouro. Noite de surpresas e ataques a Trump

O "1917", um filme de Sam Mendes sobre a Primeira Guerra Mundial, foi o grande vencedor da noite dos Globos de Ouro. Netflix foi a grande derrotada e Trump não foi esquecido nos discursos.

O filme "1917" foi coroado com o Globo de Ouro para melhor Drama, bateu "Joker", "Marriage Story", "O Irlandês" e "Os Dois Papas". Esta foi talvez a grande surpresa da noite, mas não ficaram por aí as escolhas inesperadas da Associação da Crítica Estrangeira em Hollywood.

Sam Mendes
Sam Mendes
AFP

Ainda não foi desta que Quentin Tarantino levou a estatueta de Melhor Realizador. Sam Mendes voltou a bater as apostas e ganhou com "1917", nesta categoria onde estava também Martin Scorsese com "O Irlandês".

"É difícil fazer filmes sem grandes estrelas e espero que as pessoas o vão ver no grande ecrã, onde foi feito para ver", disse Mendes. "1917", estreia a 23 de janeiro e é protagonizado por dois atores britânicos pouco conhecidos, George MacKay e Dean-Charles Chapman.

AFP

Ainda assim, "Era Uma Vez... em Hollywood" venceu o globo na categoria de Comédia ou Musical e deu a Brad Pitt o galardão de Melhor Ator Secundário em Comédia ou Musical e a Quentin Tarantino a estatueta para Melhor Argumento. De cinco nomeações o filme venceu três, o melhor resultado entre os títulos mais nomeados.

"Parasitas", do sul-coreano Bong Joon-ho, venceu na categoria de Filme em Língua Estrangeira, tal como esperado.

Parasitas
Parasitas
AFP

 "O Irlandês" de Martin Scorsese não recebeu qualquer dos Globos de Ouro entre as cinco nomeações que tinha.  

Também o filme com mais nomeações (seis), "Marriage Story", de Noah Baumbach, saiu da cerimónia apenas com uma estatueta, entregue a Laura Dern na categoria de Atriz Secundária.  

AFP

"Joker", de Todd Phillips, deu a Joaquin Phoenix o Globo de Melhor Ator em filme dramático e ainda venceu na categoria de melhor banda sonora original, premiando a compositora islandesa Hildur Guönadóttir.

Da lista de surpresas consta a vitória do filme de animação "Missing Link", da Laika Entertainment, superando os pesos-pesados da Disney - "Frozen 2", Toy Story 4" e "O Rei Leão" - e "Como Treinares o Teu Dragão: O Mundo Secreto", da Universal, o que gerou grande comoção na cerimónia.

Os vídeos 360 não têm suporte aqui. Ver o vídeo na aplicação Youtube.

Netflix, a grande derrotada

Netflix não confirmou as expectativas geradas pelo elevado número de nomeações que recebeu para esta edição dos Globos de Ouro: de um total de 17, venceu apenas dois.  

Na televisão, foi a HBO, Hulu e Amazon Prime que dominaram. A série "Succession" da HBO levou para casa o Globo mais cobiçado de melhor série dramática e o seu protagonista Brian Cox, que interpreta o magnata Logan Roy, recebeu o galardão de melhor ator em série dramática.

"Chernobyl", também da HBO, foi considerada a melhor série limitada e Stellan Skarsgård venceu o globo para ator secundário em série, série limitada ou filme para televisão.

"Chernobyl"
"Chernobyl"
AFP

Na comédia, e tal como aconteceu nos prémios Emmy, em setembro de 2019, "Fleabag" da Amazon Prime foi a melhor série e Phoebe Waller-Bridge recebeu o Globo de melhor atriz em Comédia ou Musical.

Olivia Colman foi premiada pelo desempenho em "The Crown", da Netflix, levando o Globo para Melhor Atriz em Série Dramática, Patricia Arquette foi a Melhor Atriz em Série Limitada por "The Act" (Hulu) e Renée Zellweger Melhor Atriz em Filme Dramático, por "Judy".

Arquette aproveitou o discurso para atacar Donald Trump e as ameaças que o do presidente dos Estados Unidos tem deixado no Twitter em que admite bombardear 52 espaços iranianos e enviar as tropas americanas em massa. 

Os vídeos 360 não têm suporte aqui. Ver o vídeo na aplicação Youtube.

Entre os títulos que não conseguiram qualquer estatueta estão "Os Dois Papas", "Knives Out" e "The Marvelous Ms. Maisel". 

Prémios da noite:

Cinema 

Melhor Filme (Drama):“1917”;
Melhor Filme (Comédia ou Musical):“Era uma vez… em Hollywood”;
Melhor Realizador:Sam Mendes, “1917”;
Melhor Atriz (Drama):Renee Zellweger, “Judy”;
Melhor Atriz (Comédia ou Musical):Awkwafina, “The Farewell”;
Melhor Atriz Secundária:Laura Dern, “Marriage Story”;
Melhor Ator (Drama):Joaquin Phoenix, “Joker”;
Melhor Ator (Comédia ou Musical):Taron Egerton, “Rocketman”;
Melhor Ator Secundário:Brad Pitt, “Era uma vez… em Hollywood”;
Melhor Argumento:Quentin Tarantino, “Era uma vez… em Hollywood”;
Melhor Banda Sonora:Hildur Guðnadóttir, “Joker”;
Melhor Canção:“I’m Gonna Love Me Again” (música de Elton John e letra de Bernie Taupin), de “Rocketman”;
Melhor Filme de Animação:“Missing Link”;
Melhor Filme Estrangeiro:“Parasitas” (Coreia do Sul). Realizado por Bong Joon-ho.

Televisão

Melhor Série (Drama): “Succession”;
Melhor Série (Comédia ou Musical):“Fleabag”;
Melhor Minissérie ou Filme Produzido para a Televisão:“Chernobyl”;
Melhor Atriz (Drama):Olivia Colman, “The Crown”;
Melhor Atriz (Comédia ou Musical):Phoebe Waller-Bridge, “Fleabag”;
Melhor Atriz (Minissérie ou Filme Produzido para a Televisão):Michelle Williams, “Fosse/Verdon”;
Melhor Atriz Secundária:Patricia Arquette, “The Act”;
Melhor Ator (Drama):Brian Cox, “Succession”;
Melhor Ator (Comédia ou Musical):Rami Youseff, “Rami”;
Melhor Ator (Minissérie ou Filme Produzido para a Televisão):Russell Crowe, “The Loudest Voice”;
Melhor Ator Secundário: Stellan Skarsgård, “Chernobyl”.  



Notícias relacionadas

This handout screen shot released courtesy of American Broadcasting Companies, Inc. / ABC shows US actress Regina King wearing a Breonna Taylor shirt as she wins the Emmy for Outstanding Lead Actress In A Limited Series Or Movie with Watchmen during the 72nd Primetime Emmy Awards on September 20, 2020. - Hollywood's first major Covid-era award show will look radically different to previous editions, with no red carpet and a host broadcasting from an empty theater in Los Angeles, which remains under strict lockdown. (Photo by - / American Broadcasting Companies, Inc. / ABC / AFP) / RESTRICTED TO EDITORIAL USE - MANDATORY CREDIT "AFP PHOTO / American Broadcasting Companies, Inc. / ABC" - NO MARKETING NO ADVERTISING CAMPAIGNS - DISTRIBUTED AS A SERVICE TO CLIENTS --- NO ARCHIVE --- / TABLOIDS OUT; NO BOOK PUBLISHING WITHOUT PRIOR APPROVAL. NO ARCHIVE. NO RESALE.
O elenco do filme 'Parasitas'
Martin McDonagh, Sam Rockwell, Frances McDormand, Graham Broadbent e Peter Czernin receberam os prémios do filme 'Three Billboards Outside Ebbing, Missouri'.
'La La Land' take home no less than seven Golden Globe trophies