Fotos. Quem é o mais cómico destes animais selvagens?

Fotos. Quem é o mais cómico destes animais selvagens?

Foto: Hasan Baglar/Comedy Wildlife Photography Awards
Radio Latina 18 2 min. 22.05.2019

Fotos. Quem é o mais cómico destes animais selvagens?

Desde a dança dos louva-deus no arame, aos esquilos fotógrafos ou ao urso envergonhado, estão entre as imagens candidatas ao Comedy Wildlife Photography Awards 2019.

A lontra parece mesmo estar a rir-se, o esquilo e o urso estão aparentemente envergonhados e o primata protagoniza uma macacada com o objetivo de fazer rir. Charles Darwin teorizou que os animais têm emoções tal como nós, pressuposto que foi caindo em desgraça na comunidade científica. Agora, o argumento parece ganhar força com o prestigiado neurocientista português António Damásio que vem corroborar a ideia de Darwin. Os animais "têm mecanismos desenvolvidos de emoções", considera Damásio.

Mas, enquanto a ciência não se decide unanimamente quanto à capacidade emocional dos animais, o senso comum pode continuar a considerar que sim, sendo os prémios de fotografia "Comedy Wildlife" (Vida selvagem em comédia, em português) a prova disso. O concurso premeia as fotografias mais divertidas tiradas a animais e volta a ter nova edição este ano. 

A organização do concurso divulgou recentemente algumas das fotografias candidatas. Nas imagens pode ver-se, por exemplo, uma dupla louva-deus a posar para a lente do fotógrafo, exibindo os seus dotes artísticos, um urso polar a acenar para a câmara; ou ainda dois mochos que tem reações apostas à aproximação do fotógrafo. 

A ideia dos "Comedy Wildlife Photography Awards"  partiu dos fotógrafos profissionais Paul Joynson-Hicks e Tom Sullam, que queriam "criar um concurso fotográfico que se focasse no lado mais leve da vida selvagem". Em 2015 foi realizada a primeira edição com o obetivo de mostrar ao mundo o lado mais divertido da vida animal e, ao mesmo tempo, "promover a conservação da vida selvagem e dos seus habitats", indica a organização em comunicado.

Feito em parceria com a Born Free Foundation, uma ONG especializada na proteção animal, o concurso procura garantir, através de uma “mensagem positiva” que “os animais deste planeta continuarão aqui para a próxima geração”. É a quinta vez que o concurso elege as imagens mais cómicas de animais captadas no seu habitat natural em prol da sua preservação.

Na edição deste ano é feita a pergunta: “O que pode cada um de nós fazer em casa para proteger a fauna?”

As inscrições para o Comedy Wildlife Photography Awards 2019 estão abertas até ao dia 30 de junho, mas ainda não se sabe quando serão anunciados os vencedores. Sabe-se apenas que o grande premiado vai poder fazer um safari no parque natural Maasai Mara, no Quénia.  

Paula Santos Ferreira