Estado reembolsa 417 milhões de euros em medidas Covid-19 abrangidas pela CNS
Radio Latina 10 min. 05.05.2022
Atualidade em síntese 05 Mai 2022

Estado reembolsa 417 milhões de euros em medidas Covid-19 abrangidas pela CNS

Atualidade em síntese 05 Mai 2022

Estado reembolsa 417 milhões de euros em medidas Covid-19 abrangidas pela CNS

Radio Latina 10 min. 05.05.2022
Atualidade em síntese 05 Mai 2022

Estado reembolsa 417 milhões de euros em medidas Covid-19 abrangidas pela CNS

A licença prolongada por motivos familiares custou, em 2021, 50 milhões de euros aos cofres do Estado

Até 31 de março de 2022, todas as medidas "Covid-19" abrangidas pela Caixa Nacional de Saúde – CNS (testes PCR, taxas hospitalares suplementares, despensas para mulheres grávidas, etc.) e reembolsadas pelo Estado tiveram um custo global de 417,5 milhões de euros.

O valor foi divulgado num comunicado conjunto dos ministérios da Saúde e da Segurança Social, na sequência do comité quadripartido, que juntou esta quarta-feira Governo, representantes dos trabalhadores, do patronato e dos prestadores de serviços de saúde.

Ainda de acordo com os números apresentados, a licença prolongada por motivos familiares custou, em 2021, 50 milhões de euros aos cofres do Estado e 238 milhões de euros em 2020. Em 2022, e segundo dados recolhidos até 31 de março, o custo foi de 11 milhões de euros.

O Governo comprometeu-se ainda a financiar medidas que vão além do âmbito do seguro de saúde e maternidade num montante total de 386 milhões de euros entre 2020 e 2023.

Apesar da participação financeira do Estado nas medidas ligadas à crise sanitária Covid-19, a situação financeira do seguro de saúde-maternidade teve um resultado operacional negativo de 55,7 milhões de euros em 2021, ou seja, a diferença entre 3.632 milhões de euros de despesas 3.576,3 milhões de euros de receitas.

O saldo global acumulado (reserva global) passou dos 958,9 milhões de euros em 2020 (25,4% das despesas correntes) para 903,2 milhões de euros em 2021 (24,9% das despesas correntes).

Para 2022, as últimas estimativas apontam para um défice de cerca de 48,1 milhões de euros para as operações correntes, atingindo um saldo global acumulado de 855,2 milhões de euros (22,1% das despesas correntes.

Falta de matérias-primas russas afeta indústria no Luxemburgo

Há empresas do Grão-Ducado que estão a sofrer as consequências da escassez das matérias-primas provenientes da Rússia.

"Uma escavadora é constituída por cerca de 40 mil peças individuais. Seis delas vêm da Rússia ou da Ucrânia", exemplifica Pol Faber, secretário-geral da Associação de Empreiteiros ao Wort alemão. Se não forem encontradas peças de substituição, as máquinas não podem ser produzidas.

Outro exemplo do impacto que a guerra na Ucrânia está a ter na indústria luxemburguesa é a fábrica de cimento Cimalux, em Esch-sur-Alzette. A fábrica deixou de ter acesso ao carvão russo, que serve de combustível para o seu processo de produção.

Também a empresa Alipa, de Wiltz, que faz caixas dobráveis com madeira da Rússia e Bielorrússia vai deixar de ter acesso à madeira russa a partir de 10 de julho, refere o Wort.

Preços da energia subiram quase 13% num ano no Luxemburgo

No período de um ano, os preços da energia subiram quase 13% no Luxemburgo. Os dados são revelados no novo relatório do Statec sobre a inflação, cuja taxa anual foi de 7% em abril, superior aos 6,1% do mês anterior.

Esta subida deve-se ao aumento dos preços de certos serviços, em grande parte desencadeado pela indexação dos salários a um de abril e pelo aumento contínuo dos preços dos produtos petrolíferos, explica o instituto nacional de estatística.

Entre abril de 2021 e o mês homólogo deste ano, os preços da energia, que engloba a eletricidade e os combustíveis, foram os que mais aumentaram com 12,73%, tendo subido 0,79% só no último mês.

Os preços dos alimentos continuaram a subir: a inflação foi de 5,6% no último ano e subiu 1,3% em comparação com o mês de março. Entre os produtos que tiveram maior impacto na tendência entre março e abril estão a carne (aumento de 2,4%), legumes frescos (3,7%), produtos lácteos, queijo e ovos (1,2%) e gorduras e óleos (1,4%).

Já a evolução dos preços dos produtos petrolíferos ficou nos 1,1% em abril, em comparação com o mês anterior. O preço do óleo de aquecimento subiu 5,5% num mês. Em comparação com o mês anterior, os preços do gasóleo subiram 1,2%, enquanto que os preços da gasolina se mantiveram estáveis. Em comparação com abril do ano anterior, os preços dos produtos de ouro negro no cabaz do índice são 59,2% mais altos.

O Statec nota ainda que, devido às férias da Páscoa, os movimentos sazonais tiveram uma forte influência na inflação. Por exemplo, o preço dos bilhetes de avião subiu 31,4% em relação a março. Para viagens organizadas, o aumento de preço foi de 10,8%.

Ajuda financeira para pais cujos filhos não frequentam “maison relais”?

Um subsídio financeiro para os pais cujos filhos não frequentam as estruturas de acolhimento (maison relais). Esta é a reivindicação de uma petição pública que vai ser debatida esta tarde no Parlamento, uma vez que recolheu mais de 4.500 assinaturas.

De acordo com o peticionário, os pais que ficam em casa com os filhos foram "esquecidos" pelo Governo, uma vez que filhos de pais que ganhem até quatro salários mínimos podem permanecer sem custos nas chamadas "maisons relais".

Segundo o peticionário, "se o Governo é capaz de cobrir os custos adicionais para as escolas e as creches, deverá também ser capaz de apoiar os restantes pais com uma compensação monetária". Se essa quantia fosse paga, "também seria uma motivação para os pais decidirem trabalhar a tempo parcial e passar mais tempo com os filhos", lê-se no texto.

O debate público inicia às 14:00 no Parlamento.

Ministério da Educação apresenta novos cursos nos liceus e formação profissional

O ensino secundário e os centros de formação vão ter novos cursos para o próximo ano letivo, 2022/23.

Segundo o ministro da Educação Nacional, Claude Meisch, nos liceus as novidades são o curso de “Empreendedorismo, finanças e marketing” (secção N) e de luxemburguês (secção A) para o secundário clássico.

Na formação profissional, haverá cursos de aptidão de "Educação" e “Eletrotecnologias”, e diplomas técnicos de "Turismo e comunicação" e "Horticultura no paisagismo".

Atualmente são oferecidos mais de 180 cursos no ensino secundário, na formação profissional e como certificado de técnico superior (BTS).

Homem desaparecido desde 30 de abril foi encontrado morto

O homem de 32 anos desaparecido desde 30 de abril foi encontrado morto num celeiro no norte do país. Trata-se de Denis Latic que tinha sido visto pela última vez em Kayl, ou seja, no sul do Luxemburgo. O homem deveria ter visitado amigos na sexta-feira à noite, mas não chegou a aparecer.

Numa nota, as autoridades policiais dão conta de que o corpo foi encontrado num celeiro, no norte do Grão-Ducado.

Foi lançada uma investigação e o Ministério Público ordenou uma autópsia.

Acordo prevê mais efetivos para a administração alfandegária

A Administração Alfandegária vai ter mais efetivos nos próximos anos. Pelo menos é o que está previsto no acordo assinado, esta terça-feira, pelo Ministério das Finanças e pela representação do pessoal da administração.

O acordo prevê que, a partir do próximo ano e até 2030, sejam criados a cada ano dez postos de trabalho suplementares.

O objetivo é criar as melhores condições possíveis para que as tarefas dos agentes possam ser realizadas, garantindo ao mesmo tempo saúde e segurança dos funcionários.

Futuro do projeto da Google em Bissen é incerto

O ministro da Economia afirmou que a gigante tecnológica Google pode estar a considerar um “reposicionamento estratégico” devido à demora dos procedimentos jurídicos para avançar com o projeto anunciado em 2017.

Interpelado por Laurent Mosar, deputado do CSV, Franz Fayot argumentou que a concretização do projeto pode ter sido condicionada pelos três anos — período considerado longo no setor da construção, nas palavras do ministro — que a Google levou a obter a certeza jurídica de que o terreno era edificável.

Até ao momento, a Google não deu qualquer indicação sobre a eventual suspensão do projeto. Por seu turno, o governo luxemburguês continua a “apoiá-lo a 100%” e está confiante de que o centro vai avançar. Contudo, caso não seja esse o caso, o Estado tem o direito de preferência sobre o terreno ao preço de compra.

Dia da Lusofonia assinalado no Instituto Camões

O Dia Mundial da Língua Portuguesa, assinalado a 5 de maio, vai juntar esta quinta-feira a comunidade lusófona no Centro Cultural do Instituto Camões, em Merl.

A celebração arranca às 19h, num evento organizado pelo Instituto Camões, Maison des Associations e várias associações lusófonas no Luxemburgo.

A programação inclui um sarau literário com poesia e música em português, e a projeção do filme "Mundos da Lusofonia", na presença do designer do coletivo Borderlovers Daniel do Nascimento.

Já ontem, quarta-feira, a Universidade de Esch-Belval organizou uma exposição alusiva ao centenário de José Saramago, no âmbito do Dia da Lusofonia.

Rússia realiza exercício militar com disparo simulado de mísseis nucleares

O Exército russo realizou um exercício militar onde simulou o disparo de mísseis com capacidade nuclear no enclave russo de Kaliningrado, entre a Polónia e a Lituânia, revelou na quarta-feira o Ministério da Defesa da Rússia.

As manobras militares neste enclave no mar Báltico, entre a Polónia e a Lituânia, países membros da União Europeia (UE), consistiram numa simulação de “lançamentos eletrónicos” de sistemas de mísseis balísticos móveis, com capacidade nuclear.

As unidades de combate também praticaram "operações em condições de radiação e contaminação química".

O exercício militar envolveu mais de 100 soldados.

Real Madrid dá volta à eliminatória e apura-se para a final da 'Champions'

O Real Madrid apurou-se ontem para a final da Liga dos Campeões de futebol, ao conseguir virar a eliminatória com o Manchester City, depois de vencer por 3-1, após prolongamento, na segunda mão.

Em Paris, em 28 de maio, o Real Madrid vai defrontar o Liverpool, na reedição da final de 2017/18, quando os espanhóis venceram pela última vez a prova.

Bilhetes para a final da Taça de Portugal à venda a partir de 10 de maio

Os bilhetes para a final da Taça de Portugal de futebol entre Tondela e FC Porto “vão ser colocados à venda” a partir da próxima terça-feira.

Em nota publicada na sua página, a federação diz que, além dos processos conduzidos pelos clubes finalistas, através dos seus próprios canais, será possível adquirir bilhetes para a final através do site da Federação.

A final da Taça de Portugal entre Tondela e FC Porto está agendada para 22 de maio, às 18:15, no Estádio Nacional, em Oeiras.

Redação Latina | Lusa 


Notícias relacionadas

Entre abril de 2021 e o mês homólogo deste ano, os preços da energia, que engloba a eletricidade e os combustíveis, foram os que mais aumentaram.

Combustíveis voltam a ficar mais caros no Grão-Ducado

Economia por Sandro CABETE DOS SANTOS 12.04.2022