Amazónia. O mundo está em choque com o fogo no pulmão do planeta
Radio Latina 22.08.2019 Do nosso arquivo online

Amazónia. O mundo está em choque com o fogo no pulmão do planeta

Amazónia. O mundo está em choque com o fogo no pulmão do planeta

Foto: Christian Niel Berlinck/ICMBio/d
Radio Latina 22.08.2019 Do nosso arquivo online

Amazónia. O mundo está em choque com o fogo no pulmão do planeta

Os alarmes tocam em todo o lado: perder a floresta brasileira não é apenas problemático para o Brasil — mas para todo o planeta.

Os fogos na Amazónia continuam a alastrar-se e o cenário é cada vez mais preocupante. 

A Amazónia brasileira perdeu mais de uma Alemanha em área de floresta entre 2000 e 2017. São cerca de 400 mil km² a menos de área verde, segundo um estudo da Universidade de Oklahoma publicado na revista científica Nature Sustainability. 

O pulmão do mundo é a maior floresta tropical e possui a maior biodiversidade registada numa área do planeta. Tem cerca de cinco milhões e meio de quilómetros quadrados e inclui territórios do Brasil, Peru, Colômbia, Venezuela, Equador, Bolívia, Guiana, Suriname e Guiana Francesa (território pertencente à França).  

Em época de queimadas e incêndios, o fumo já chegou a São Paulo, onde o dia tornou-se noite. Na segunda-feira, 19, uma nuvem de fumo produzida por queimadas no Paraguai, Bolívia e também na região amazónica dentro do território do Brasil, transformou o dia em noite na cidade de São Paulo, onde o céu pareceu escurecer pouco depois das 15:00 locais.

E tudo isto acontece durante o inverno. No hemisfério sul, onde está o Brasil, não estamos na época de maior calor. No início de agosto, o governo do Amazonas decretou situação de emergência no sul do estado e na Região Metropolitana de Manaus devido ao "impacto negativo da desflorestação ilegal e queimadas não autorizadas".

Será necessária uma ação externa para salvar a Amazónia? E os alarmes tocam em todo o lado: perder a floresta brasileira não é apenas problemático para o Brasil — mas para todo o planeta. As organizações ambientais alertam para o pior dos cenários e sugerem formas de ajudar. 



Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, proibiu, através de um decreto hoje publicado no Diário Oficial da União, a realização de queimadas em território brasileiro durante 60 dias.