Escolha as suas informações

Opinião

Hugo GUEDES PINTO

O local de trabalho não tem de ser um martírio, pode – e deve – ser algo encorajador. É lá que passamos a maior parte da nossa vida…

Quando o trabalho mata
Editorial Luxemburgo por Hugo GUEDES PINTO 4 min. 18.07.2019
  • Hugo GUEDES PINTO

    O local de trabalho não tem de ser um martírio, pode – e deve – ser algo encorajador. É lá que passamos a maior parte da nossa vida…

    Quando o trabalho mata
    Editorial Luxemburgo por Hugo GUEDES PINTO 4 min. 18.07.2019
  • Sérgio Ferreira Borges

    Nas PPPs funciona uma lógica perversa: os lucros são sempre privados e os prejuízos são sempre públicos. Não há uma divisão equitativa dos resultados dessa gestão. É sempre o Estado que garante a cobertura dos passivos.

    Vícios privados, pública saúde!
    Editorial Luxemburgo por Sérgio Ferreira Borges 3 min. 18.07.2019
  • Nuno Ramos de Almeida

    Os Trumps desta vida não pretendem democratizar o planeta e combater as desigualdades crescentes. O que eles querem é garantir o poder e o dinheiro para si. Repetindo com novas roupagens aquilo que tem sucedido até agora.

    O racismo é uma droga dura
    Editorial Mundo por Nuno Ramos de Almeida 2 min. 17.07.2019
  • Hugo GUEDES PINTO

    O Conselho reuniu-se à porta fechada, os nomes foram negociados nos bastidores, debaixo da mesa, em segredo, longe, muito longe dos cidadãos, dos seus votos e das suas preocupações. Os líderes nacionais escolheram, às tantas da madrugada, mais alguém da Alemanha austeritária para liderar a Europa.

    Opinião. Desta vez eu votei – da próxima vou à praia
    Editorial Mundo por Hugo GUEDES PINTO 4 min. 13.07.2019
  • Sérgio Ferreira Borges

    Só os poderes da Comissão Europeia foram reforçados, apesar de se tratar de uma instituição em claro défice de democracia e cada vez mais burocratizada. Como é incapaz de desenvolver políticas que resolvam os grandes problemas, limita-se a fazer regulamentos que obrigam estados soberanos e, sobretudo, cidadãos.

    A oportunidade perdida
    Editorial Mundo por Sérgio Ferreira Borges 3 min. 13.07.2019
  • Nuno Ramos de Almeida

    Vendem-nos muitas vezes que a política é a arte do possível. E que qualquer acordo mediocre é melhor que uma divergência de princípios. É desta massa que é feita a atual Europa, em que se promete aos eleitores votarem os candidatos a presidente da Comissão Europeia, mas no fim, o Conselho Europeu resolve mandar fechar esse circo de ilusões e vender os lugares de poder à melhor licitação negocial.

    Editorial. A política como arte do impossível
    Editorial Mundo por Nuno Ramos de Almeida 2 min. 10.07.2019
  • Sérgio Ferreira Borges

    Centeno já acabou com Adalberto Campos Fernandes e não terá pejo em dar semelhante destino a Marta Temido.

    Greve e eleições
    Editorial Luxemburgo por Sérgio Ferreira Borges 3 min. 04.07.2019
  • Nuno Ramos de Almeida

    A legislação mundial sobre patentes e propriedade intelectual preocupa-se mais em proteger os lucros abusivos da indústria farmacêutica que tornar universais as melhorias da ciência.

    Doenças públicas e lucros privados
    Editorial Sociedade por Nuno Ramos de Almeida 2 min. 02.07.2019
  • Hugo GUEDES PINTO

    "A ambição leva-o a assassinar o rei e usurpar o seu lugar".

    Boris Macbeth
    Editorial Mundo por Hugo GUEDES PINTO 4 min. 27.06.2019
  • Nuno Ramos de Almeida

    Lavam-nos o cérebro diariamente para nos convencer que o ambiente é uma questão de nos portarmos bem individualmente, comermos mais saladas, separarmos o lixo e declararmos guerra aos sacos de plástico. Quando, mesmo que aqui no Luxemburgo se cumprissem todas as normas do escuteiro ecologista, o país continuaria a poluir demasiado.

    Doces palavras
    Editorial Luxemburgo por Nuno Ramos de Almeida 2 min. 26.06.2019
  • Nuno Ramos de Almeida

    Há muito que a política de Estado de muitos países europeus é o assassinato dos migrantes que tentam chegar à Europa.

    Editorial. O grito
    Editorial Sociedade por Nuno Ramos de Almeida 2 min. 19.06.2019
  • Hugo GUEDES PINTO

    As multidões que hoje ocupam cada recanto do jardim, bordejam todo o charco, preenchem a ponte japonesa e ocupam a sala de estar da casa não conseguem ainda assim destruir a experiência de visitar o museu Monet de Giverny, perto de Paris.

    Opinião. Impressões
    Editorial Cultura por Hugo GUEDES PINTO 4 min. 13.06.2019
  • Sérgio Ferreira Borges

    Como derrotar Marcelo é uma missão quase impossível, o PS terá de arranjar um candidato para perder, com dignidade. E não se vê alguém que esteja na disposição de interpretar tão ingrato papel.

    Opinião. Marcelo recandidato
    Editorial Portugal por Sérgio Ferreira Borges 3 min. 13.06.2019