Escolha as suas informações

Voltar a encerrar cafés e restaurantes? Dramático para o setor
Economia 19.11.2020

Voltar a encerrar cafés e restaurantes? Dramático para o setor

Voltar a encerrar cafés e restaurantes? Dramático para o setor

AFP
Economia 19.11.2020

Voltar a encerrar cafés e restaurantes? Dramático para o setor

Susy MARTINS
Susy MARTINS
A federação Horesca não está surpreendida com a intenção de o Governo voltar a encerrar os cafés e restaurantes a partir da próxima semana.

Segundo o diretor-geral da Horesca, François Koepp, em declarações hoje à RTL, se os números das novas infeções continuarem a aumentar, é provável que o setor tenha de encerrar a partir de quarta ou quinta-feira, uma vez que o projeto de lei poderá ser votado na segunda-feira no Parlamento.

François Koepp frisa que a Horesca já aconselhou os cafés e restaurantes a reduzir o “stock” para a hipótese de o setor ter que encerrar, para assim evitar o desperdício alimentar.

Segundo o diretor-geral, o setor da horeca tem trabalhado bem nas últimas semanas. No entanto, os restaurantes que vivem dos almoços têm sido afetados pelo teletrabalho. Como as pessoas estão a trabalhar a partir de casa, os restaurantes ficam vazios na hora do meio-dia.

Para François Koepp, este projeto de encerramento para a semana vai colocar muitas empresas do setor numa situação dramática. Daí ser essencial, segundo o diretor-geral da Horesca, que o Governo introduza novas medidas de apoio, nomeadamente uma moratória no pagamento das cotizações, como foi o caso no confinamento, ou ainda o congelamento das rendas para os cafés e restaurantes.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

“Inadmissível”. Horesca escandalizada com o Governo
O Luxemburgo vai reabrir todos os setores de atividade económica, a partir da segunda-feira, dia 11 de janeiro. Todos menos um: a Horesca. Pelo contrário, cafés, bares e restaurantes viram a sua situação agravada com o prolongamento do fecho obrigatório por mais 15 dias, até 31 de janeiro. A Federação Nacional dos proprietários de Hotéis, Restaurantes e Cafés do Luxemburgo (Horesca) está “escandalizada”.
Setor da Horeca espera e desespera
O setor da Horeca não ficou surpreendido com a decisão do Governo em manter os cafés e restaurantes fechados até 15 de janeiro de 2021. Mas diz que o sentimento geral no setor é de desespero.