Escolha as suas informações

Saldos começam esta sexta-feira e comerciantes esperam atrair visitantes transfronteiriços
Economia 26.06.2020

Saldos começam esta sexta-feira e comerciantes esperam atrair visitantes transfronteiriços

Saldos começam esta sexta-feira e comerciantes esperam atrair visitantes transfronteiriços

Foto: Pierre Matgé
Economia 26.06.2020

Saldos começam esta sexta-feira e comerciantes esperam atrair visitantes transfronteiriços

Luxemburgo antecipa-se à Bélgica e França nas vendas com descontos e lojistas esperam que clientes dos países vizinhos ajudem a recuperar receitas.

Os saldos arrancam esta sexta-feira, 26 de junho, no Luxemburgo, e as vendas decorrem até 25 de julho, com quatro semanas de descontos e aberturas aos domingos.

O Grão-Ducado antecipa-se à temporada de promoções, na França e na Bélgica, onde o início dos saldos foi adiado para 15 de julho e 1 de agosto, respetivamente. Com isso os lojistas esperam receber clientes transfronteiriços e recuperar algumas das perdas depois de uma primavera marcada pelo encerramento forçado, devido ao confinamento. 

"Esperamos que isto tenha um efeito positivo e que as vendas atraiam visitantes da Grande Região", disse ao Paperjam, Anne Darin-Jaulin, da UCVL, que espera também que as pessoas em teletrabalho aproveitem para ir à cidade aos fins-de-semana, aproveitando a abertura das lojas aos domingos.

Uso de máscara e novas normas para experimentar peças 

Apesar do otimismo da responsável da UCVL, os comerciantes guardam algum ceticismo.

As normas sanitárias, como o uso de máscara obrigatório nos espaços interiores e as novas regras para experimentar peças de roupa ou calçado, podem desencorajar o fluxo normal de potenciais clientes que Marc Muller, presidente da Femo, gostaria de ver retomado.

O responsável aponta, àquela publicação, uma queda particularmente acentuada na assistência em galerias e centros comerciais: "O objectivo não é que as pessoas só venham às vendas, queremos trazer de volta um fluxo normal durante a semana", remata. 


Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.