Escolha as suas informações

UE prevê crescimento económico significativo no Luxemburgo este ano
Economia 2 min. 07.07.2021
Relatório económico

UE prevê crescimento económico significativo no Luxemburgo este ano

Relatório económico

UE prevê crescimento económico significativo no Luxemburgo este ano

Foto: Gerry Huberty
Economia 2 min. 07.07.2021
Relatório económico

UE prevê crescimento económico significativo no Luxemburgo este ano

Ana Patrícia CARDOSO
Ana Patrícia CARDOSO
Relatório publicado hoje prevê um crescimento de 4,8% para o Grão-Ducado este ano, apesar da pandemia.

Mesmo com todas as dificuldades apresentadas pela crise económica que se instalou mundialmente, a Comissão Europeia está agora otimista quando ao futuro. Para o Luxemburgo, a previsão apresentada em relatório nesta quarta-feira estima um crescimento de 4,8 por cento para este ano, e de 3,3 por cento para 2022.

O cenário é satisfatório há já algum tempo. Segundo a Comissão Europeia, o produto interno bruto (PIB) luxemburguês já havia atingido o nível pré-crise no último trimestre de 2020. E só tem tendência para melhorar. 


Bruxelas melhora projeções e PIB da zona euro já regressa a pré-crise este ano
O efeito de retoma prolongada também se aplica ao próximo ano, para quando a Comissão Europeia prevê um crescimento do PIB de 4,5% na zona euro e na UE.

"Nas últimas semanas, o ritmo acelerado da campanha de vacinação e a melhoria das condições de saúde levaram a um abrandamento gradual das restrições. Espera-se que esta tendência se mantenha nos próximos meses, levando a uma recuperação mais ampla na economia", lê-se em comunicado oficial.

O consumo também aumentou durante a primavera e isso "está em linha com o crescimento do emprego, que se reflete numa queda do desemprego, o que deverá também apoiar a recuperação", escreve a Comissão, mas sublinha que as perspetivas globais de crescimento são repletas de incertezas e riscos.  

Portugal também cresce

A Comissão Europeia manteve hoje as projeções para o ritmo de recuperação da economia portuguesa, estimando um crescimento de 3,9% este ano e de 5,1% no próximo, apesar do agravamento da situação epidemiológica no país. "A economia portuguesa está no bom caminho para uma boa recuperação a partir do segundo trimestre de 2021", apesar de o ritmo da retoma ter sido atenuado pelo restabelecimento parcial de restrições temporárias em junho devido ao aumento de casos de covid-19.

O executivo comunitário estima, no entanto, que, depois de um recuo de 3,2% no primeiro trimestre do ano devido a um confinamento rigoroso, o Produto Interno Bruto (PIB) português terá crescido 3,3% no segundo trimestre e registará um novo aumento no terceiro trimestre, com o esperado aumento do turismo estrangeiro no país, ajudado pela campanha de vacinação na Europa e pelo lançamento do certificado digital covid-19 da UE.

Estas previsões ficam ainda assim aquém das projeções do Governo, que confia num crescimento acima da sua própria previsão de 4% inscrita no Programa de Estabilidade, bem como da mais recente previsão do Banco de Portugal, que em 16 de junho reviu em alta as suas projeções, antecipando uma subida do PIB de 4,8% em 2021 e de 5,6% em 2022.

Com agências

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

A Comissão Europeia voltou a rever em baixa as previsões de crescimento económico do Grão-Ducado. A economia deve avançar 3,1% este ano e abrandar a partir daí para 3% em 2019, até aos 2,7% em 2020. As estimativas constam do relatório da Previsão Económica de Outono da Comissão Europeia publicadas hoje.
Ban de Gasperich - Chantier - Photo : Pierre Matgé
A Comissão Europeia considera que o crescimento do Luxemburgo é volátil, mas assegura que as previsões económicas do país são favoráveis. Bruxelas traçou assim o cenário económico dos próximos anos nas projeções da primavera hoje divulgadas e reviu em baixa o crescimento estimado para este ano.