Escolha as suas informações

Privação material severa afeta 1,2% da população no Luxemburgo

Privação material severa afeta 1,2% da população no Luxemburgo

Economia 08.05.2019

Privação material severa afeta 1,2% da população no Luxemburgo

O Grão-Ducado surge bastante abaixo da média europeia.

Pagar as contas a tempo, lidar com despesas inesperadas, ter carro, telefone, televisão e máquina de lavar, conseguir tirar uma semana de férias longe de casa, manter a casa quente e comer regularmente carne, peixe ou legumes. Não ter dinheiro suficiente para pelo menos quatro destes itens define o conceito de privação material severa, um fenómeno que, no Luxemburgo, afeta cerca de 1,2% dos residentes.

Os dados foram compilados pelo gabinete europeu de estatísticas (Eurostat) e, embora as informações sobre o Luxemburgo digam respeito a 2017, o país aparece como um dos menos afetados pela privação material severa.

Com uma proporção de 1,2% de residentes afetados por esta realidade, o Grão-Ducado surge bastante abaixo da média europeia de 6,2% (segundo as estimativas referentes a 2018).

Na comparação europeia, apenas a Suécia (1,1% em 2017) tem uma taxa menor do que a luxemburguesa. Em contrapartida, o número dispara para os 20% na Bulgária, o Estado-membro da União Europeia (UE) onde a privação material severa abrange a maior fatia da população. No entanto é de sublinhar que a taxa na Bulgária desceu de 10 pontos percentuais em um ano.

Em números absolutos, cerca de 31 milhões de pessoas na UE sofreram de privação material severa em 2018. Os adultos a morar sozinhos são os mais afetados.


Susy Martins / Diana Alves


Notícias relacionadas

Eurostat: Luxemburgo é o segundo país da UE com menor taxa de privação material
O Luxemburgo é o terceiro país da União Europeia (UE) onde há menos pessoas sujeitas a privação material e social. Segundo o Eurostat, 5% da população têm condições de vida muito limitadas, não conseguindo pagar as suas contas, manter a sua casa aquecida, ter uma semana de férias fora de casa ou mesmo ter dois pares de sapatos em boas condições de utilização.