Escolha as suas informações

Preços das casas aumentam 15% por ano no Luxemburgo
Economia 23.03.2022 Do nosso arquivo online
Habitação

Preços das casas aumentam 15% por ano no Luxemburgo

Habitação

Preços das casas aumentam 15% por ano no Luxemburgo

Foto: Chris Karaba
Economia 23.03.2022 Do nosso arquivo online
Habitação

Preços das casas aumentam 15% por ano no Luxemburgo

Susy MARTINS
Susy MARTINS
Os preços do alojamento têm aumentado cerca de 15% por ano desde 2018 no Grão-Ducado. Esta foi uma das conclusões da comissão parlamentar do Alojamento na Câmara dos Deputados.

Segundo a presidente da comissão, Semiray Ahmedova, a falta de matérias-primas tem sido mais um fator a agravar o problema da habitação no Grão-Ducado. Mas a falta de habitações no país é o principal motivo do aumento anual dos preços, nomeadamente desde 2018. 

Na reunião com os deputados Ahmedova sublinhou que o Luxemburgo precisa anualmente, no mínimo, de seis mil novas habitações, mas atualmente só são construídas quatro mil. Conclusão: todos os anos faltam duas mil novas habitações, o que leva os preços a aumentar substancialmente.


Entre 2020 e 2021, os preços das casas no Luxemburgo aumentaram 13,6%. Na última década, verificou-se uma subida de 111%.
Nem no centro, nem nas fronteiras. Qual é o melhor lugar para viver no Luxemburgo?
Com o aumento constante dos preços das casas no Grão-Ducado, muitas pessoas fugiram para os países vizinhos nos últimos anos. Agora os valores também estão a subir nas zonas fronteiriças.

Outra das conclusões é de que os preços imobiliários se têm homogeneizado no território. Com o passar dos anos, a diferença de preços entre a capital e o resto do país é cada vez mais reduzida. 


Faltam 30 mil alojamentos no Luxemburgo para melhorar a situação da habitação
O problema da habitação no Grão-Ducado não é novo. Sempre houve uma crise na habitação, mas só que sob formas diferentes.

 O sul do país, por exemplo, viu o preço de venda por metro quadrado aumentar consideravelmente.

Com o aumento constante dos preços das casas no Grão-Ducado muitas pessoas têm optado por viver nos países vizinhos nos últimos anos. No entanto, o aumento da procura fez subir os valores também nas nas zonas fronteiriças, um dado testemunhado por vários portugueses numa reportagem do Contacto em fevereiro deste ano. 

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

O preço louco da habitação está a obrigar os luxemburgueses a ir viver para os países vizinhos, e os seus habitantes a deixar de poder morar também na sua terra, como Arlon. O efeito bola de neve da habitação no Grão-Ducado tem diversas direções: filhos adultos a viver mais tempo com os pais, desigualdades a aumentar e o país a deixar de ser atrativo para os emigrantes.