Escolha as suas informações

Preço da energia alemã acima dos 500 euros por megawatt/hora
Economia 16.08.2022
Crise energética

Preço da energia alemã acima dos 500 euros por megawatt/hora

Crise energética

Preço da energia alemã acima dos 500 euros por megawatt/hora

Foto: Leo Ramirez/AFP
Economia 16.08.2022
Crise energética

Preço da energia alemã acima dos 500 euros por megawatt/hora

Redação
Redação
O novo valor traz um acréscimo dos riscos associados à pior crise energética das últimas décadas, que deverá atingir famílias e empresas com custos sem precedentes no próximo ano.

O preço de referência da energia na Europa subiu acima dos 500 euros pela primeira vez, notícia a agência Bloomberg.

O novo valor traz um acréscimo dos riscos associados àquela que é a pior crise energética das últimas décadas e que deverá atingir as famílias e as empresas com custos sem precedentes no próximo ano. 


Alemanha impõe taxa ao gás que pode chegar aos 290 euros por família
Alguns consumidores, no entanto, serão elegíveis para um subsídio de custo de aquecimento, disse o ministro da Economia, Robert Habeck.

O custo da potência alemã, projetado a um ano de antecedência, revelava, esta terça-feira, um aumento até 5,2% para 502 euros por megawatt-hora na European Energy Exchange AG.

Segundo a Bloomberg, isso representa aproximadamente uma subida de 500% no último ano, impulsionada predominantemente pelos limites às exportações de gás natural da Rússia.

Pressão para apagões no inverno

Em alguns países europeus, os governos já estão sob pressão para planear possíveis apagões no inverno.


Famílias podem ter de pagar mais 300 euros por ano de eletricidade
Aumento está relacionado com a subida do preço do gás.

A produção de energia nuclear francesa, tradicionalmente a espinha dorsal do sistema energético do país, continua a ser a mais baixa em décadas, enquanto as reservas de energia hidroelétrica em vários Estados europeus se encontram também em níveis mínimos plurianuais, devido à seca. 

Outro sinal, de acordo com a agência especializada em notícias financeiras, é a subida dos preços do gás natural na Holanda para o próximo mês, situa-se nos 6,5% -  preço intra diário (relativo a um só dia) mais alto desde o início de março, refere a Bloomberg. 


Notícias relacionadas