Escolha as suas informações

Parlamento aprovou novas ajudas financeiras para independentes
Economia 29.01.2021

Parlamento aprovou novas ajudas financeiras para independentes

Parlamento aprovou novas ajudas financeiras para independentes

Economia 29.01.2021

Parlamento aprovou novas ajudas financeiras para independentes

Susy MARTINS
Susy MARTINS
Os montantes, são de 3.000, 3.500 ou 4.000 euros.

Os trabalhadores independentes vão passar a receber novas ajudas financeiras, em caso de dificuldades devido à pandemia. O projeto de lei foi aprovado esta quarta-feira no Parlamento. A ajuda é única e não reembolsável. O montante da assistência financeira varia em função dos rendimentos contributivos em que a pessoa se encontra, sendo que os montantes, são de 3.000, 3.500 ou 4.000 euros.

Esta nova ajuda dirige-se aos comerciantes, artesãos ou trabalhadores intelectuais independentes.

O ministro das Classes Médias, Lex Delles, salientou no Parlamento que o Estado já contribuiu com ajudas num valor acima dos 270 milhões de euros, referentes a 31 mil pedidos.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Governo cria nova ajuda para trabalhadores independentes
O Governo aprovou hoje o lançamento de um novo apoio destinado aos trabalhadores independentes afetados pelas consequências financeiras da pandemia da covid-19. O montante é não-reembolsável, poderá chegar aos 4.000 e será atribuído uma única vez.