Escolha as suas informações

Nigéria suspende voos domésticos devido ao aumento dos preços dos combustíveis
Economia 08.05.2022
Crise energética

Nigéria suspende voos domésticos devido ao aumento dos preços dos combustíveis

Crise energética

Nigéria suspende voos domésticos devido ao aumento dos preços dos combustíveis

Foto: Sean Mendis / DR
Economia 08.05.2022
Crise energética

Nigéria suspende voos domésticos devido ao aumento dos preços dos combustíveis

Lusa
Lusa
O país mais populoso de África e o principal produtor de petróleo do continente, não foi poupado aos problemas causados pela invasão da Ucrânia pela Rússia, tais como a escalada do preço dos combustíveis, alimentos e fertilizantes.

Uma dúzia de companhias aéreas nigerianas vão suspender os voos domésticos a partir de segunda-feira devido ao aumento dos preços dos combustíveis desde o início da guerra na Ucrânia, informou a Airline Operators of Nigeria (AON).

Nos últimos quatro meses, o preço do combustível "subiu de 190 nairas por litro (cerca de 0,43 euros) para 700 nairas atualmente (1,60 euros)", disse a AON na sexta-feira numa carta enviada este sábado aos meios de comunicação locais, ao ministro da Aviação do país, Sadi Sirika, e à Autoridade Nigeriana de Aviação Civil.


Impacto no preço dos bilhetes da TAP pode variar entre 3 e 25 euros
A companhia aérea tinha anunciado que vai aumentar a sobretaxa de combustível devido à subida do preço do petróleo, indicando que "a curto prazo, é inevitável que os preços das viagens" subam.

Segundo a organização, embora o custo do combustível deva representar "40% do custo operacional global de uma companhia aérea, o atual aumento elevou o custo na Nigéria para cerca de 95%", um aumento que consideram "astronómico" e que também teve um impacto nos preços dos bilhetes.

País sofre consequências da guerra

Este aumento coloca "uma enorme pressão sobre a sustentabilidade das operações e a viabilidade financeira das companhias aéreas", lê-se na carta, levando as companhias a "suspender as operações a nível nacional a partir de segunda-feira, 9 de maio".


Bombas sobre a economia. O pandemónio da guerra chegou e deu a mão à pandemia
O mundo depara-se agora com um novo e grave evento: uma guerra na Europa. Que lesões pode provocar na frágil e sensível economia mundial? São pelo menos cinco as grandes feridas que podem ser reabertas e matar a retoma em curso.

Entre os signatários estão Max Air, Ibom Air, United Nigerian Airlines e Air Peace, a maior companhia aérea do país e da África Ocidental.

A Nigéria, o país mais populoso de África (mais de 200 milhões de habitantes) e o principal produtor de petróleo do continente, não foi poupado aos problemas causados pela invasão da Ucrânia pela Rússia, tais como a escalada do preço dos combustíveis, alimentos e fertilizantes.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas