Escolha as suas informações

FMI: Luxemburgo entre os países do euro com menos défice e menos dívida até 2020
Economia 2 min. 16.04.2015 Do nosso arquivo online

FMI: Luxemburgo entre os países do euro com menos défice e menos dívida até 2020

FMI: Luxemburgo entre os países do euro com menos défice e menos dívida até 2020

AFP
Economia 2 min. 16.04.2015 Do nosso arquivo online

FMI: Luxemburgo entre os países do euro com menos défice e menos dívida até 2020

O Luxembugo é um dos países do euro que terá um défice orçamental e uma dívida pública menos elevados em 2015, uma situação que se manterá inalterada em 2020, segundo as previsões do Fundo Monetário Internacional.

O Luxemburgo é um dos países do euro que terá um défice orçamental e uma dívida pública menos elevados em 2015, uma situação que se manterá inalterada em 2020, segundo as previsões do Fundo Monetário Internacional (FMI).

No `Fiscal Monitor`, um documento divulgado esta quarta-feira e que é preparado semestralmente pelo departamento de estudos orçamentais do FMI, gabinete actualmente liderado pelo antigo ministro português das Finanças Vítor Gaspar, o FMI reitera as previsões que divulgou em Março: o Luxemburgo terá um défice de -0,5% no final deste ano e uma dívida pública de 26,3% do Produto Interno Bruto (PIB), desempenhos que estão entre os melhores quando comparados com os dos restantes países da moeda única europeia.

Quanto ao défice orçamental, em 2015, a Estónia será o único país com as mesmas contas públicas que o Luxemburgo (-0,5%), as menos negativas da zona euro. Até final do ano, apenas a Alemanha estará em terreno positivo (+0,3%), enquanto os outros países da zona euro estarão todos abaixo dos valores do Luxemburgo e da Estónia. Ainda segundo as previsões do FMI, Portugal terá um défice orçamental de -3,2% em 2015.

Para 2020, a instituição liderada por Christine Lagarde antevê que o Luxemburgo continue entre os países com melhores resultados, com +0,5%. Ainda entre os países com resultados positivos, acima do Luxemburgo estarão apenas o Chipre (+1%), a Grécia (+1%) e a Alemanha (+0,6%). Já Portugal terá o segundo défice mais profundo da zona euro (-2,5% do PIB), ultrapassado só mesmo Eslovénia (-3,7%).

Relativamente à dívida pública, o FMI prevê que o Luxemburgo aumente o rácio da dívida face ao PIB de 26,3% em 2015 para 30,5% pelo menos até 2020, continuando como o segundo país da zona euro com um menor peso da dívida, apenas ultrapassado pela Estónia, que deverá baixar a sua dívida de 10.1% em 2015 para 9.0% em 2020.

As estimativas dizem ainda que a dívida pública de Portugal será de 126,3% em 2015 e de 120,9% em 2020. 

Quanto à dívida líquida de depósitos das administrações públicas, as estimativas do Fundo não apresentam dados sobre o Luxemburgo, mas quanto a Portugal a dívida deverá passar dos 119,2% do PIB este ano para os 116,4% em 2020.

Na zona euro, só a Grécia terá este indicador mais elevado do que Portugal, esperando o FMI que, excluindo depósitos, Atenas tenha uma dívida de 169,9% em 2015 e de 122% em 2020.



Notícias relacionadas

Eurostat: Luxemburgo tem a segunda menor dívida pública da UE
O Luxemburgo tem a segunda menor dívida pública da União Europeia (UE). De acordo com o Eurostat, a dívida situou-se nos 21,8% do Produto Interno Bruto (PIB) no primeiro trimestre deste ano, o que equivale a 11,4 mil milhões de euros. Já Portugal tem a terceira dívida mais alta.
A dívia luxemburguesa situa-se nos 21,8% do PIB