Escolha as suas informações

Eurostat: Taxas de desemprego variam entre 2,5% e os 34% entre regiões da UE
A taxa de desemprego desceu na maioria (60%) das regiões da União Europeia em 2015

Eurostat: Taxas de desemprego variam entre 2,5% e os 34% entre regiões da UE

Foto: Teddy Jans
A taxa de desemprego desceu na maioria (60%) das regiões da União Europeia em 2015
Economia 28.04.2016

Eurostat: Taxas de desemprego variam entre 2,5% e os 34% entre regiões da UE

A taxa de desemprego desceu na maioria (60%) das regiões da União Europeia (UE) em 2015 face ao ano anterior. Os dados do Eurostat mostram que as taxas variam entre 2,5% e 34%.

A taxa de desemprego desceu na maioria (60%) das regiões da União Europeia (UE) em 2015 face ao ano anterior. Os dados do Eurostat mostram que as taxas variam entre 2,5% e 34%.

As mais baixas estão na Alemanha (em Freiburg e Niederbayern, com 2,5%) e República Checa (Praga, com 2,8%). Pelo contrário as mais altas estão em Espanha (Melilla, com 34%) e na Grécia (Dykiti Makedonia, com 30,7%). Não existem dados desagregados disponíveis para o Luxemburgo.

Entre as 274 regiões analisadas, 60 têm uma taxa inferior à da média da UE, que se situa nos 9,4%. A Alemanha, Reino Unido e Áustria são alguns dos países onde isto é uma realidade. Por sua vez, 29 regiões tinham uma taxa de pelo menos o dobro da média da UE, ou seja, de 18,8%. É assim na Grécia, Espanha, França e Itália.

Em Portugal a taxa total foi de 12,4% em 2015, portanto, acima dos 9,4% europeus. A Região Autónoma da Madeira registou a taxa mais elevada: de 14,7%.


Notícias relacionadas