Escolha as suas informações

Elon Musk suspende "temporariamente" a compra do Twitter
Economia 13.05.2022
Redes Sociais

Elon Musk suspende "temporariamente" a compra do Twitter

Redes Sociais

Elon Musk suspende "temporariamente" a compra do Twitter

Karl-Josef Hildenbrand/dpa
Economia 13.05.2022
Redes Sociais

Elon Musk suspende "temporariamente" a compra do Twitter

Redação
Redação
Negócio está pendente da verificação da percentagem de contas falsas na rede social.

Elon Musk, dono da Tesla e da SpaceX e também o homem mais rico do mundo, anunciou nesta sexta-feira que suspendeu "temporariamente" a  compra no Twitter. 

O anúncio foi feito através dessa plataforma e Musk justificação a pausa devido a "detalhes sobre os cálculos de que contas falsas/contas de spam representam menos 5% dos utilizadores".

Musk partilhou uma reportagem da Reuters, do início de maio, em que e apresentava a estimativa de menos de que "as contas falsas ou spam representavam menos de 5% dos seus utilizadores ativos diários monetizáveis durante o primeiro trimestre". 

Musk tinha feito a promessa pública de "derrotar os bots de spam ou morrer a tentar". 

Para a Susannah Streeter, analista da Hargreaves Lansdown, o objetivo o bilionário é outro. "Esta métrica de 5% é conhecida há já algum tempo. Ele claramente já a teria visto... Portanto, pode muito bem ser mais parte da estratégia para baixar o preço", disse à Reuters, avançando que se é o caso,  "vai ser altamente frustrante para muitos na empresa, dado que vários altos executivos já foram despedidos". 

A notícia da suspensão da compra no Twitter fez com que as ações caíssem quase 20% para cerca de 36,5 dólares, em negociação contínua antes da abertura de Wall Street.

Em 28 de março, o Conselho de Administração do Twitter aceitou a oferta de aquisição de Musk no valor de 44.000 milhões de dólares, à razão de 54,20 dólares por ação, embora o negócio ainda não tenha sido fechado e deva ser aprovado pelos reguladores.


(Com agências)

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

“Poucas pessoas têm tanta influência como o senhor Musk sobre a vida na Terra e potencialmente também sobre a vida fora da Terra”, screve num editorial o diretor da revista, Edward Felsenthal.