Escolha as suas informações

Easy Jet fica com 18 voos diários que eram da TAP
Economia 2 min. 16.06.2022
Aeroporto de Lisboa

Easy Jet fica com 18 voos diários que eram da TAP

Aeroporto de Lisboa

Easy Jet fica com 18 voos diários que eram da TAP

Easy Jet
Economia 2 min. 16.06.2022
Aeroporto de Lisboa

Easy Jet fica com 18 voos diários que eram da TAP

Telma MIGUEL
Telma MIGUEL
A Comissão Europeia deu a esta low cost os slots diários no aeroporto Humberto Delgado para equilibrar a concorrência desleal. A TAP recebeu apoios estatais de 2.55 mil milhões de euros em dezembro de 2021.

A partir de 30 de outubro deste ano, 18 slots (autorizações de voo para um determinado horário) no aeroporto de Lisboa que eram usados pela TAP vão passar para a Easy Jet. A decisão foi tomada esta quinta-feira pela Comissão Europeia como forma de reequilibrar a livre concorrência entre as companhias aéreas a operar em Lisboa. A Easy Jet é uma das maiores companhias aéreas do mundo, com 308 aviões, operando 927 rotas entre 34 países, e em 153 aeroportos.

Em dezembro de 2021, a companhia de bandeira portuguesa recebeu um apoio do Estado português de 2.55 mil milhões de euros, com a aprovação da Comissão Europeia, mas com condições. A TAP teria que racionalizar os seus custos de operação e tomar medidas para limitar as distorções na concorrência que a injeção de capital iria criar.  Assim, a TAP comprometeu-se a transferir 18 slots diários que detinha para uma companhia aérea da concorrência.

A ajuda à TAP Air Portugal, foi suportada pelo facto de ser uma companhia de bandeira e ser também um fornecedor de voos para destinos menos rentáveis, mas que servem a comunidade lusófona. Segundo explica a Comissão, “a empresa tem um papel fundamental no crescimento do turismo português e da economia e é um empregador significativo em Portugal”.  

Preços mais justos no aeroporto Humberto Delgado

Após avaliadas as propostas entregues, a Comissão concluiu que a da Easy Jet era a que melhor cumpria os requisitos fixados e terá prioridade para concluir com a TAP a transferência de slots. A vice-presidente da Comissão responsável por questões de política de concorrência, Margrethe Vestager, disse que esta medida irá “encorajar a concorrência no setor da aviação, uma vez que permitirá à Easy Jet expandir as suas atividades neste aeroporto congestionado, contribuindo para preços mais justos e maior escolha para os consumidores europeus. Isto também ajuda a assegurar que o apoio dado por Portugal para a TAP ser viável não tenha efeitos negativos no Mercado Único”.

Uma versão não confidencial da decisão será publicada no Jornal Oficial da União Europeia e no site da Comissão sobre competição. A Ryanair é uma das companhias que anunciou ter concorrido à atribuição do pacote de slots.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas