Escolha as suas informações

Deutsche Bank anuncia reestruturação que suprime 18.000 empregos até 2022
Economia 07.07.2019

Deutsche Bank anuncia reestruturação que suprime 18.000 empregos até 2022

Deutsche Bank anuncia reestruturação que suprime 18.000 empregos até 2022

Foto: Chris Karaba
Economia 07.07.2019

Deutsche Bank anuncia reestruturação que suprime 18.000 empregos até 2022

O maior banco da Alemanha e um dos maiores do mundo, o Deutsche Bank, anunciou hoje que vai suprimir 18.000 empregos até 2022, ou seja, um quinto dos efetivos, no âmbito de um plano de reestruturação inédito.

"A reestruturação resultará numa redução do número de funcionários" de cerca de "18.000 até ao ano 2022, para reduzir os efetivos para cerca de 74.000 pessoas", afirma o banco em comunicado hoje divulgado.

O Deutsche Bank, que enfrenta dificuldades financeiras há alguns anos, explicou querer reduzir os seus custos em seis mil milhões de euros, para voltar aos lucros.

O grupo alemão tem vindo a levar a cabo um processo de reestruturação com cortes de custos, em que se inclui a redução de pessoal e já cortou milhares de postos de trabalho desde 2015.

Segundo refere, o Deutsche Bank espera assumir encargos no valor de cerca de três mil milhões de euros no segundo trimestre deste ano e prevê um prejuízo líquido de 2,8 mil milhões de euros no final de 2019.

O Deutsche Bank explica que a reestruturação visa restaurar a rentabilidade e melhorar o retorno dos acionistas.

Já em maio, o presidente executivo, Christian Sewing, tinha dito aos acionistas que estava pronto para fazer "duros cortes" a fim de melhorar a rentabilidade do banco e elevar o preço "dececionante" das ações.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas

Deutsche Bank vai despedir pelo menos sete mil
O Deutsche Bank anunciou em Frankfurt que prevê despedir pelo menos sete mil trabalhadores em todo o mundo. O objetivo é tentar enfrentar as dificuldades em que se encontra e tentar controlar os custos.