Escolha as suas informações

Desigualdade na distribuição de rendimentos no Luxemburgo abaixo da média europeia
Economia 18.07.2019

Desigualdade na distribuição de rendimentos no Luxemburgo abaixo da média europeia

Desigualdade na distribuição de rendimentos no Luxemburgo abaixo da média europeia

Foto: AFP
Economia 18.07.2019

Desigualdade na distribuição de rendimentos no Luxemburgo abaixo da média europeia

A forma como o rendimento e a riqueza estão distribuídos pela sociedade é determinante para perceber se todos têm igual acesso aos bens e serviços produzidos na economia.

A taxa que mede a desigualdade na distribuição de rendimentos no Luxemburgo situou-se nos 5% em 2017, ligeiramente abaixo da média da União Europeia (UE).

O gabinete de estatísticas da UE explica que a forma como o rendimento e a riqueza estão distribuídos pela sociedade é determinante para perceber se todos têm igual acesso aos bens e serviços produzidos na economia. O Eurostat analisou então a relação entre o rendimento recebido pelos 20% da população que mais recebem e os 20% que menos ganham.

A média da UE ficou então nos 5,1% e a do Grão-Ducado nos 5%. Os países com menos desigualdades são a República Checa e a Eslovénia, com taxas de 3,4%. A Bélgica também se destaca como um dos países com menos desigualdades de rendimentos, com uma percentagem de 3,8%.

Pelo contrário, com as maiores diferenças encontram-se a Bulgária (8,2%), Lituânia (7,3%) e Espanha (6,6%). Portugal surge no ranking com um valor de 5,7%, acima da média europeia.


Notícias relacionadas