Escolha as suas informações

Escassez de material de construção deve levar o Luxemburgo a mais produção nacional
Economia 07.07.2021
Construção cívil

Escassez de material de construção deve levar o Luxemburgo a mais produção nacional

Construção cívil

Escassez de material de construção deve levar o Luxemburgo a mais produção nacional

Foto: DR
Economia 07.07.2021
Construção cívil

Escassez de material de construção deve levar o Luxemburgo a mais produção nacional

Susy MARTINS
Susy MARTINS
A falta de material de construção a nível mundial atrasa as obras e tem custo. Faz ‘jogar’ a lei da procura e da oferta, que se traduz num aumento de materiais.

Face a esta situação, o Luxemburgo poderá apostar mais na produção nacional desses materiais para não depender tanto da importação.

O ministro da Economia, Franz Fayot, diz que a Luxinnovation – agência nacional de promoção da inovação e de investigação no Luxemburgo – está a elaborar um conceito para o setor da madeira. No outono deverá estar em linha uma plataforma que vai analisar a oferta e a procura deste material, afim de promover e garantir a cadeia de fornecimento.

O ministro Fayot afirma estar consciente das dificuldades das empresas do setor da construção civil no Luxemburgo, mas citando o Conselho da Concorrência, garante não estão [as empresas] “à beira do abismo”.


Governo prolonga empréstimos às empresas até final de 2021
O ministro das Finanças, Pierre Gramegna, e os representantes dos principais bancos no Luxemburgo acabam de assinar o acordo de prolongamento do regime de empréstimos do Estado às empresas afetadas pela covid-19.

A escassez de material de construção foi debatida esta terça-feira no Parlamento e segundo o deputado cristão-social Marc Spautz, os preços de muitos estaleiros aumentaram entre 30% a 70%. Outros foram mesmo forçados a encerrar devido à falta de material.

Para o Partido Cristão Social (CSV) e outros partidos da oposição, é preciso que o Luxemburgo tenha mais produção local, nomeadamente através da criação de mais carpintarias. O preço da madeira aumentou de mais de 100% nos últimos meses.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.