Escolha as suas informações

Comissão Europeia revê previsão de crescimento do Luxemburgo em baixa
Economia 07.02.2019

Comissão Europeia revê previsão de crescimento do Luxemburgo em baixa

Comissão Europeia revê previsão de crescimento do Luxemburgo em baixa

Foto: Steve Eastwood
Economia 07.02.2019

Comissão Europeia revê previsão de crescimento do Luxemburgo em baixa

A Comissão Europeia reviu em baixa a previsão de crescimento do Luxemburgo para este ano. Nas previsões intercalares de inverno, Bruxelas prevê que o Grão-Ducado cresça 2,5% em 2019, valor que compara com os 3% avançados no relatório anterior, publicado no outono.


A justificar a revisão em baixa está o facto de a economia mundial e da zona euro estar a abrandar. O capítulo dedicado ao Luxemburgo sublinha que o recente abrandamento do comércio mundial e do crescimento da zona euro contribuíram para a elevada volatilidade do mercado financeiro. Ora, a tendência é para que este cenário se mantenha, pelo que as perspetivas de crescimento do setor financeiro e da economia como um todo enfraqueceram. O comércio externo deverá cair e o Luxemburgo, como pequena economia aberta está particularmente exposta.

O Luxemburgo não é caso único. A revisão em baixa afeta também a Alemanha, França, Portugal, Itália entre outros. Itália é o país que vai crescer menos este ano: 0,2%, uma forte baixa face aos 1,2% previstos no outono.


Notícias relacionadas

EDITORIAL: A fatura dos imigrantes
“Mais de metade do eleitorado trabnão mudar, vão ser sempre os mesmos a pagar a fatura.” alha na Função Pública. São estes que escolhem quem governa o país e enquanto isto não mudar, vão ser sempre os mesmos a pagar a fatura.”
OCDE: Economia continua a acelerar
A economia da zona euro deve continuar a acelerar na zona euro, de acordo com os dados da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico.
STATEC: Economia luxemburguesa cresce 4,2%
A economia luxemburguesa cresceu 4,2% no ano passado. E não foi só a procura interna o motor do crescimento: de acordo com o Instituto Nacional de Estatísticas do Luxemburgo (STATEC) houve um equilíbrio maior entre a procura interna e externa.
DBRS: Novo triplo A para o Luxemburgo
O Luxemburgo recebeu uma nova notação Triplo A da agência de notação financeira DBRS. Foi a primeira vez que a agência realizou uma análise para a economia luxemburguesa.
The DBRS rating follows identical scores issued by three other major agencies: S&P, Fitch and Moody's.