Escolha as suas informações

Comércio e restauração entre os setores que mais emprego criaram nos últimos meses
Economia 17.03.2020

Comércio e restauração entre os setores que mais emprego criaram nos últimos meses

Comércio e restauração entre os setores que mais emprego criaram nos últimos meses

Foto: Pixabay
Economia 17.03.2020

Comércio e restauração entre os setores que mais emprego criaram nos últimos meses

Diana ALVES
Diana ALVES
No espaço de um ano, o emprego no setor do comércio, transporte, hotelaria e restauração cresceu 3,9%.

Dois dias depois de se saber que lojas e restaurantes do país – entre outros estabelecimentos – vão estar fechados até nova ordem, o STATEC faz saber que aqueles dois ramos de atividade estão entre os setores que mais emprego criaram nos últimos meses.

No boletim trimestral sobre a evolução do emprego, o Instituto Nacional de Estatística (STATEC) revela que houve um crescimento de 3,6% entre o quarto trimestre de 2018 e o mesmo período do ano passado.

O aumento explica-se, sobretudo, pela criação de emprego na área da administração e outros serviços públicos, que cresceu 4,5% no período de um ano. A seguir aparece o setor do comércio, transporte, hotelaria e restauração, onde o emprego progrediu 3,9%.

Ontem, ouvido pela Rádio Latina, o secretário-geral da Horesca, François Koepp, admitiu que o setor, que inclui hotéis, restaurantes e cafés, venha a registar uma perda nas receitas na ordem dos 120 milhões de euros por mês. Algo que poderá levar à eliminação de postos de trabalho.

O responsável apelou aos empresários para que recorram às ajudas do Governo para tentar evitar despedimentos nesta altura. Aos clientes, solicitou que continuem a pedir ‘take away’ nos restaurantes que estão a propor esse serviço de forma a que aqueles estabelecimentos possam continuar a faturar.


Notícias relacionadas

Luxemburgueses são 27% do mercado de trabalho
Os luxemburgueses representam 26,6% do mercado laboral do Grão-Ducado. No segundo trimestre havia um total de 422.010 trabalhadores no país, sendo que os luxemburgueses na vida ativa eram 112.360, de acordo com os dados mais recentes do instituto luxemburguês de estatística (Statec).
STATEC: Emprego no sector financeiro cresce 3,1%
A praça financeira luxemburguesa emprega atualmente 46.800 pessoas, segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (STATEC), referentes ao primeiro trimestre deste ano. O número traduz um crescimento de 3,1%, face a igual período de 2016.