Escolha as suas informações

Calçado. Birkenstock pode emigrar para o Luxemburgo
Economia 20.01.2021

Calçado. Birkenstock pode emigrar para o Luxemburgo

Calçado. Birkenstock pode emigrar para o Luxemburgo

Foto: Pixabay
Economia 20.01.2021

Calçado. Birkenstock pode emigrar para o Luxemburgo

Num investimento de 4 mil milhões, o CVC Capital Partners pode vir a adquirir a marca alemã de calçado.

Depois do fabricante suíço de relógios Breitling e da perfumaria alemã Douglas, o fundo de investimento CVC Capital Partners, sediado no Luxemburgo, está alegadamente na corrida pela compra da Birkenstock. 

A notícia está a ser avançada pela imprensa especializada. A Bloomberg adianta mesmo que as negociações entre o CVC Birkenstock e os herdeiros da marca ortopédica estão numa fase avançada. 

Em números, perspetiva-se que o negócio possa vir a ser fechado por quatro mil milhões de euros. Sem revelar identidades, o Financial Times não dá o fundo de investimento como vencedor. Além do  CVC Capital Partners diz que há outros dois fundos de investimento interessados em adquirir a marca de calçado alemã que se tem celebrizado pelas socas e chinelos 'made in germany'.

Focada no calçado ortopédico, a marca que ainda está nas mãos de Alex e Christian Birkenstock vendeu 30 milhões de pares de sapatos só em 2019. No mercado desde 1897 tem hoje um volume de negócios de 720 milhões de euros. O sucesso tem sido atribuído à recente dupla de diretores Olivier Reichert e Markus Bensberg. Na liderança desde 2013, são o rosto da implementação internacional da ortopédica entre os maiores do calçado. 

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.