Escolha as suas informações

Treinadores portugueses querem brilhar na Taça do Luxemburgo este domingo
Desporto 4 min. 21.09.2019

Treinadores portugueses querem brilhar na Taça do Luxemburgo este domingo

Georges Fernandes, treinador do Beggen, vai defrontar o Etzella, onde jogou vários anos.

Treinadores portugueses querem brilhar na Taça do Luxemburgo este domingo

Georges Fernandes, treinador do Beggen, vai defrontar o Etzella, onde jogou vários anos.
Foto: Serge Daleiden
Desporto 4 min. 21.09.2019

Treinadores portugueses querem brilhar na Taça do Luxemburgo este domingo

Álvaro CRUZ
Álvaro CRUZ
Este fim de semana muitas equipas de divisões inferiores recebem as da elite do futebol luxemburguês. Uma ocasião para aproveitarem a festa do futebol e vestirem a pele de ’tomba-gigantes’.

A Taça do Luxemburgo já vai contar com as equipas da Liga BGL a partir do próximo fim de semana. As formações da elite vão atuar como vizitantes por pertecerem ao mais alto escalão do futebol grão-ducal, muitas delas frente a clubes de escalões inferiores como é o caso do Beggen equipa do terceiro escalão dos campeonatos luxemburgueses que vai receber o Etzella, finalista derrotado na época passada.

Um encontro especial para Georges Fernandes, treinador lusodescendente do Beggen que vai defrontar a equipa que representou durante longos anos: “Fico feliz por defrontar o Etzella, onde vivi muitos dos melhores momentos da minha carreira. Fiz a minha formação nas camadas jovens, depois estive três anos no Union Luxembourg, mas regressei ao clube onde terminei a minha carreira de jogador com 33 anos. Agora, estou de corpo e alma no Beggen e tudo farei para vencer este jogo”, precisa.

O técnico luso reconhece o favoritismo da formação nortista, mas deixa um aviso: “Tenho consciência de que o Etzella é superior ao Beggen em todos os aspetos, mas no futebol não se ganham jogos antecipadamente. Os meus jogadores estão ansiosos e bastante motivados. Vamos ver como as coisas correm. Espero, acima de tudo, que seja um bom jogo de futebol e que possamos dignificar a história do nosso clube que conta com sete Taças do Luxemburgo no seu palmarés”, concluiu.

Grevenmacher – Fola, um duelo entre históricos

Outro dos encontros que vai colocar frente a frente dois dos históricos do futebol luxemburguês é o CS Grevenmacher – Fola. Pedro Miguel, treinador do clube do Mosela, mostra-se tranquilo e atira: “Sabemos que a maior responsabilidade está do lado do Fola e que não temos nada a perder. No entanto, não vamos mudar nada em relação ao nosso modelo de jogo e à forma de abordar os jogos. Como em todas as partidas, tudo faremos para vencer, reconhecendo que a tarefa não será fácil. Os jogadores estão motivados, assim como todos no clube”, enfatiza.

“Grevenmacher e Fola são dois dos mais prestigiados clubes nacionais. Espero que venha muita gente ao estádio e que este jogo seja uma festa de futebol, como habitualmente acontece em muitos encontros da Taça”, concluiu.

Líder da Liga BGL desloca-se a Remich

Outro dos encontros que está a gerar grande expetativa é o jogo entre o Union Remich/Bous – e o Progrès Niederkorn.

Nuno Costa, treinador do Remich/Bous.
Nuno Costa, treinador do Remich/Bous.
Foto: Facebook

O líder do campeonato da elite vai ao reduto dos homens liderados por Nuno Costa. O treinador português congratula-se por receber o Niederkorn, e recoda ao Contacto que “em futebol tudo pode acontecer.”

“Estamos contentes por receber o líder da BGL e é pena não possuirmos uma bancada para poder receber mais gente no campo. Os níveis de motivação por parte dos jogadores são altos e todos esperam o jogo com impaciência”, revela o técnico luso que soma a segunda época consecutiva ao serviço do clube .

“Não sei se o Niederkorn vem, ou não com todos os jogadores titulares. Independentemente de quem trouxerem, não vamos mudar nada em relação aos outros jogos. Temos o nosso ADN e vamos respeitá-lo”, completou.

O Red Black de Fernando Almeida recebe o Hostert, mas o treinador português confessou que estava mais concentrado com o jogo do campeonato. “Ainda não me debrucei muito sobre o jogo frente ao Hostert.Neste momento, estou mais preocupado com o campeonato. A equipa é jovem, está motivada, mas temos que trabalhar para melhorar algumas coisas para tentar render mais nos próximos encontros”, sublinha.

Sobre o encontro da taça, o experiente técnico português lembra que “esta é uma boa oportunidade para os meus jogadores defrontarem uma equipa da elite com outro ritmo. Taça é taça, e apesar de reconhecer o favoritismo ao adversário, não vamos entrar em campo derrotados”, diz.

“Vamos dar o nosso melhor para dignificar o clube que representamos e dar uma imagem positiva do nosso valor, acreditando sempre que em futebol tudo pode acontecer”, vincou.

Entre equipas do quarta divisão e da Liga BGL, destaca-se ainda o jogo AS Porto Luxembourg – Racing. Wellington Raposo, treinador dos portistas mostra-se entusiasmado com o encontro, e diz que espera uma “reação” dos seus jogadores.

“O futebol é uma caixinha de surpresas. Por vezes, a motivação dos jogadores das equipas inferiores é tão grande que acontecem surpresas. Sinceramente é isso que espero dos meus jogadores. Depois dos primeiros jogos do campeonato nos quais nos deparámos com muitas ausências, espeor que todos estejam presentes para a festa da Taça.”.

O F91 Dudelange, atual detentor do troféu, desloca-se ao terreno do Echternach. Os 32 avos de final arrancaram este sábado com o encontro entre o FC Schifflange, equipa do terceiro escalão, e o FC Differdange, da Liga BGL, que os segundos venceram por 5-1.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas

O passo em frente do futebol luxemburguês
Os recentes resultados da seleção nacional e dos principais clubes nas competições europeias proporcionaram outra visibilidade internacional ao futebol luxemburguês. O presidente da Federação e vários treinadores lusos analisam como a Liga das Nações pode também enquadrar-se nesse contexto.
O empate entre o Luxemburgo e a França foi um dos grandes resultados dos 'leões vermelhos'.