Escolha as suas informações

Sporting: Ouvidos quatro dos nove arguidos que decidiram falar
Um dos elementos detidos na terça-feira após os incidentes ocorridos na Academia de Alcochete, com agressões aos futebolistas do Sporting, à chegada ao Tribunal Criminal do Barreiro 17 de maio de 2018. Durante a tarde de terça-feira, cerca de 50 indivíduos, de cara tapada, alegadamente adeptos ‘leoninos’, invadiram a Academia de Alcochete e, depois de terem percorrido os relvados, chegaram ao balneário da equipa principal de futebol, agredindo vários jogadores, entre os quais Bas Dost, Acuña, Rui Patrício, William Carvalho, Battaglia e Misic e membros da equipa técnica. RUI MINDERICO/LUSA

Sporting: Ouvidos quatro dos nove arguidos que decidiram falar

LUSA
Um dos elementos detidos na terça-feira após os incidentes ocorridos na Academia de Alcochete, com agressões aos futebolistas do Sporting, à chegada ao Tribunal Criminal do Barreiro 17 de maio de 2018. Durante a tarde de terça-feira, cerca de 50 indivíduos, de cara tapada, alegadamente adeptos ‘leoninos’, invadiram a Academia de Alcochete e, depois de terem percorrido os relvados, chegaram ao balneário da equipa principal de futebol, agredindo vários jogadores, entre os quais Bas Dost, Acuña, Rui Patrício, William Carvalho, Battaglia e Misic e membros da equipa técnica. RUI MINDERICO/LUSA
Desporto 2 min. 17.05.2018

Sporting: Ouvidos quatro dos nove arguidos que decidiram falar

O juízo de instrução criminal do Barreiro do Tribunal Judicial da Comarca de Lisboa revelou hoje terem sido ouvidos quatro dos nove arguidos pelos incidentes ocorridos na terça-feira na Academia de futebol do Sporting.

Nove dos 23 arguidos pelos incidentes decidiram prestar declarações, tendo as inquirições começado hoje no tribunal do Barreiro.

No comunicado emitido ao final da tarde de hoje, aquele tribunal informa que durante as diligências se verificaram algumas questões processuais, tendo já prestado declarações quatro arguidos e sido determinado que os restantes depoimentos terão lugar na sexta-feira, cuja diligência terá início pelas 09:30.

O tribunal revelou ainda que, além da alimentação necessária, providenciou para que os arguidos pudessem ter acesso à sua higiene, designadamente a um banho, tendo as respetivas famílias feito chegar uma muda de roupa para cada.

A polémica que envolve o Sporting agravou-se nos últimos dias, depois da derrota (2-1) da equipa de futebol no domingo, no último jogo do campeonato, frente ao Marítimo, que fez o clube de Alvalade perder o segundo lugar para o Benfica.

Bast Dost
Bast Dost
Foto: Twitter

A anteceder o primeiro treino para a final da Taça, que vai disputar com o Desportivo das Aves no domingo, a equipa de futebol foi atacada na Academia Sporting, em Alcochete, na terça-feira, por um grupo de cerca de 50 alegados adeptos encapuzados, que agrediram técnicos e jogadores.

Paralelamente, a Polícia Judiciária deteve quatro pessoas ligadas ao Sporting na quarta-feira, incluindo o diretor desportivo do futebol, André Geraldes, na sequência de denúncias de alegada corrupção em jogos de andebol e de futebol.

Bas Dost, apesar de "chocado" mostra-se "orgulhoso da equipa"

O avançado holandês do Sporting Bas Dost mostrou-se hoje "orgulhoso da equipa", agradecendo o apoio dos "verdadeiros adeptos" do clube, no seguimento dos incidentes ocorridos terça-feira na Academia de Alcochete.

Apesar de reconhecer que ainda está "chocado" com o ato de violência contra a equipa levado a cabo por cerca de 50 alegados adeptos do clube, Bas Dost mostrou-se "feliz pela reação dos verdadeiros adeptos".

Bas Dost
Bas Dost
Foto: AFP

"Isso significa muito para mim! Além disso, estou orgulhoso da forma como a minha equipa lidou com esta situação difícil. Isso mostra a força do nosso grupo. Estou tão orgulhoso desta equipa. Vamos ultrapassar isto juntos!", pode ler-se no comunicado publicado na sua página do Facebook, em português e em inglês.

Bas Dost foi um dos vários jogadores agredidos na Academia do Sporting, em Alcochete, na terça-feira, tendo ficado com ferimentos na cabeça e nas pernas.

Antes do primeiro treino para a final da Taça de Portugal, que vai disputar, no domingo, com o Desportivo das Aves, a equipa de futebol do Sporting foi atacada por um grupo de cerca de 50 alegados adeptos encapuzados, que agrediram técnicos e jogadores.

A GNR deteve 23 dos atacantes e as reações de condenação do ataque foram generalizadas e abrangeram o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, o presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues, e o primeiro-ministro, António Costa.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas