Escolha as suas informações

Ronaldo deixa mensagem após saída do Euro2020. "Voltaremos mais fortes"
Desporto 28.06.2021
Futebol

Ronaldo deixa mensagem após saída do Euro2020. "Voltaremos mais fortes"

Futebol

Ronaldo deixa mensagem após saída do Euro2020. "Voltaremos mais fortes"

AFP
Desporto 28.06.2021
Futebol

Ronaldo deixa mensagem após saída do Euro2020. "Voltaremos mais fortes"

Ana Patrícia CARDOSO
Ana Patrícia CARDOSO
Após a derrota com a Bélgica que ditou o fim da participação portuguesa no Euro2020, o capitão Cristiano Ronaldo lamenta a "saída antes do desejado", mas mostra-se orgulhoso e promete "dar mais alegrias aos portugueses".

Bastou um golo da Bélgica para acabar com o sonho de Portugal de repetir o feito de 2016 e vencer o Euro2020. Após a derrota do passado domingo, em Sevilha, por 1-0, Cristiano Ronaldo falou sobre o caminho curto da seleção na competição. 

Nas redes sociais, o avançado português admitiu que o "não conseguimos o resultado que queríamos e saímos da prova antes do desejado", mas mostra orgulho por uma equipa que deu "tudo para renovar o título de Campeões Europeus".

Ronaldo não deixou os adeptos de fora e apelidou-os "incansáveis no apoio à equipa", do início ao fim do jogo de domingo à noite. "Foi por eles que corremos e lutámos, no sentido de corresponder à confiança que depositaram em nós. Não foi possível chegar onde todos queríamos, mas fica aqui o nosso sincero e profundo agradecimento".


António Costa elogia seleção portuguesa. "Os campeões perdem de pé"
A seleção portuguesa de futebol, campeã em título, foi afastada este domingo nos oitavos de final do Euro2020, ao perder com a Bélgica por 1-0.

Igual a si mesmo e seguindo o mesmo discurso de Fernando Santos, já a olhar para o futuro e o Mundial2022, o craque deixa a promessa: 2Quanto a nós, voltaremos mais fortes. Força Portugal!"


Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Taça das Confederaçôes
A seleção portuguesa de futebol defronta hoje o Chile em jogo das meias-finais da Taça das Confederações, em Kazan. Pepe e Raphaël Guerreiro são ausências de vulto entre os comandados de Fernando Santos, que querem conquistar o troféu pela primeira vez.
André Silva quer fazer o gosto ao pé frente ao Chile